(67) 99826-0686
entregas

Reviravolta: sem Simone, Harfouche desiste do governo e anuncia campanha ao Senado

PSC havia anunciado apoio ao MDB e Harfouche seria o vice

14 AGO 2018
Kerolyn Araújo e Rodson Willyams
15h46min
Foto: Wesley Ortiz

O Procurador de Justiça Sérgio Harfouche (PSC) anunciou, na tarde desta terça-feira (14), que não apoiará mais o MDB e lançará candidatura própria ao senado. Agora, o candidato aguarda aliança com outros partidos. 

Segundo Harfouche, desde a renúncia de Simone Tebet, que anunciou estar fora da disputa ao governo na noite de domingo (12), ele não foi procurado por ninguém do MDB. O candidato deu um prazo de 24 horas para que o partido entrasse em contato, que venceu ao meio-dia desta terça-feira. Sem nenhuma sinalização dos emedebistas, o PSC resolveu lançar candidatura própria ao Senado. 

Conforme Cláudio Cavol, presidente regional do PSC, pelo menos seis partidos que haviam anunciado apoio ao MDB já manifestaram interesse em formar coligação com o PSC. Desse número, quatro partidos já teriam batido o martelo de apoio ao partido de Harfouche.

O PSC terá pelo menos 20 candidatos, que disputarão vagas para deputados estaduais e federais. A expectativa é eleger um candidato para cada cargo.

Veja também