(67) 99826-0686
Think Educaçao 13/07 a 17/07

Sérgio de Paula deve assumir comando regional do PSDB

Beto Pereira e Rose Modesto não devem brigar pelo cargo

22 ABR 2019
Celso Bejarano, de Brasília
13h43min
Foto: Divulgação

Hoje, por volta das 17h, o PSDB anuncia em Campo Grande que não vai haver disputa pela presidência regional do partido, cuja eleição está marcada para o início de maio. Antes, a direção da sigla era interessada pelos deputados federais Rose Modesto e Beto Pereira, atual presidente.

TopMidiaNews apurou, em Brasília, que o consenso pelo lançamento da chapa única não envolveu o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja que, inclusive teve o nome proposto como eventual candidato ao comando do partido.

O consenso foi definido na manhã desta segunda-feira (22) no Parque dos Poderes, sede do governo, e envolveu os dois até então candidatos Rose e Beto, o governador Reinaldo e ainda o secretário especial de Articulação Política, Sérgio de Paula.

A reportagem tentou conversar com Rose e Beto para saber as circunstâncias que conduziram ao consenso, mas, por telefone, eles não foram localizados.

Outros deputados tucanos foram consultados, mas nenhum quis comentar o assunto e disseram que nesta tarde, na sede do partido, as razões que desfizeram as candidaturas dos dois candidatos devem ser anunciadas na reunião.

Um dos deputados, contudo, sem autorizar que a declaração era sua afirmou que Sérgio de Paula, que já atuou na direção do partido, deve ser declarado como candidato da chapa única.

Em entrevistas recentes, Beto e Rose disseram ao TopMidiaNews já estavam atrás de votos e que iam trabalhar pelas eleições municipais. Rose, inclusive, estaria sendo cogitada como candidata à prefeitura de Campo Grande.

Entretanto, a ideia fragilizou porque o governador reafirmou semana passada a intenção de apoiar a reeleição do prefeito Marquinhos Trad (PSD).

Veja também