TCE SETEMBRO
Menu
terça, 28 de setembro de 2021 Campo Grande/MS
Saúde

AJUDA: idoso com dengue hemorrágica precisa de doação de sangue em Campo Grande

Quem puder contribuir pode ir ao Hemosul e realizar a doação em nome do idoso

19 fevereiro 2019 - 13h50Por Nathalia Pelzl

Elpidio Araújo Silva, 66 anos, precisa urgente de doação de sangue. Ele está internado há 3 dias.

O idoso mora em Chapadão do Sul, distante a 331 quilômetros de Campo Grande, e contraiu dengue, que evoluiu para  hemorrágica.

“Ele precisa de transfusão sanguínea urgente. E o Hemosul tem um baixo estoque. Precisamos de doadores, pode ser qualquer tipo sanguíneo. O estoque de plaquetas está zerado e estão ocorrendo muitos casos de dengue.”, reforça a filha Geglielle Thais silva.

Quem puder contribuir pode ir ao Hemosul, localizado na Avenida Fernando Corrêa da Costa, nº 1304, e realizar a doação em nome do idoso.

As doações que podem ser feitas de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h. Aos sábados o atendimento é das 7h às 12h.

Doenças que impedem a doação

Algumas doenças hematológicas, cardíacas, renais, pulmonares, hepáticas, autoimunes, diabetes, hipertireoidismo, hanseníase, tuberculose, câncer, sangramentos anormais, convulsões, ou portadores de doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue como doença de Chagas, hepatite, AIDS, sífilis. Se estiver com gripe ou alergia deve esperar sete dias após sarar para doar sangue.

Idade

Para ser um doador tem que ter de 16 a 69 anos, segundo a nova lei da doação de sangue aprovada em 2013, sendo que os doadores de 16 e 17 anos precisam estar acompanhados dos pais ou responsável ou ter em mãos declaração de autorização, com firma reconhecida.