Menu
segunda, 28 de setembro de 2020
Saúde

Grupo auxilia no acolhimento a pacientes e no levantamento de necessidades de UPAs e CRSs

Atualmente, cerca de 40 servidores estão envolvidos neste projeto atuando de 06h às 00h

25 março 2019 - 13h00Por PMCG

Oferecer informações, tirar dúvidas e encaminhar os usuários acolhidos para as salas de atendimento e levantar as necessidades das unidades de urgência e emergência do município são algumas das atribuições dos servidores designados para compor Grupo de Apoio de Gestão em Saúde.

Os profissionais identificados pelo uniforme com os escritos “Eu posso te ajudar?”  não substituem a triagem realizada pelos enfermeiros e o atendimento médico nas unidades, mas oferecem ao paciente esclarecimento quanto ao fluxo dos procedimentos.

Os colaboradores escalados para o acolhimento estão ligados à Secretaria de Governo (SEGOV) e estão recebendo orientações da Coordenadoria de Urgência da Secretaria Municipal de Saúde (SESAU) sobre quais são as atribuições principais e como deve ser a abordagem ao paciente.

Eles devem atuar de acordo com o comportamento e linguagem para o acolhimento, oferecer informações sobre a unidade e a rede de atendimento da Sesau, além de orientar e encaminhar os pacientes para cada área de prestação do serviço.

O coordenador do Grupo de Apoio de Gestão em Saúde, Bruno Rocha, destaca que a equipe de apoio tem por finalidade, como o próprio nome sugere, apoiar os servidores que atuam em suas respectivas unidades.

“A intenção não é interferir no trabalho realizado pelos profissionais de saúde e sim auxiliar dentro dos limites aceitáveis e, por sua vez, acolher e orientar os pacientes que buscam atendimento na unidade”, diz.

Ele reforça que o trabalho desempenhado pela equipe visa, tão somente, a busca constante no aperfeiçoamento e bem estar dos servidores e cidadãos.

Além disso, os servidores designados  buscam auxiliar no levantamento das necessidades e atendimento das demandas de melhorias estruturais na unidade.

Atualmente, cerca de 40 servidores estão envolvidos neste projeto atuando de 06h às 00h nas dez unidades de urgência e emergência do município.

Leia Também

Mesmo com 60 mil recuperados, taxa de letalidade por Covid em MS preocupa
CORONAVÍRUS
Mesmo com 60 mil recuperados, taxa de letalidade por Covid em MS preocupa
Governo investe R$ 5,4 milhões em munições para a Polícia Civil e Militar
Polícia
Governo investe R$ 5,4 milhões em munições para a Polícia Civil e Militar
Deputados discutem ações contra queimadas e leis para punir responsáveis
Política
Deputados discutem ações contra queimadas e leis para punir responsáveis
Médico acusado de assédio chamou paciente de gorda e importunava colegas, diz polícia
Polícia
Médico acusado de assédio chamou paciente de gorda e importunava colegas, diz polícia