Menu
segunda, 19 de outubro de 2020
Saúde

Multirão da Saúde 'Fila Zero' atende cerca de 500 pessoas neste sábado

Fila de Espera

25 janeiro 2014 - 07h00Por Marcelo Villalba

Começou na manhã deste sábado, o programa Fila Zero, aos pacientes  que estão na fila de espera para as especialidade de Oftalmologia, Psiquiatria e Ultrassonografia.  As ações são realizadas no Centro de Especialidades Médicas (CEM), a partir das 7 horas.

Serão atendidos cerca de  500 pacientes, sendo 250  que aguardam consulta com psiquiatria, 150 de oftalmologista e 100 pacientes que aguardam por uma ultrassonografia. Os pacientes do Fila Zero são avisados por telefone e feito o agendamento via Sistema de Regulação (Sisreg).

Agendamento - As consultas agendadas são encaminhadas pelo Sisreg, dando prioridade as cirurgias e tratamentos ginecológicos, endocrinologia, psiquiatria, oftalmologia e a triagem cirúrgica ortopédica.

Segundo a prefeitura, as pessoas que participam desse programa geralmente são aquelas que estão a dias na fila de espera por um tratamento, pelo fato de ter uma grande demanda na área da saúde.  As pessoas que vão ao multirão do Fila Zero são informadas por telefone pela  Secretaria Municipal de Saúde Pública (Sesau) sobre data, horário e o nome do profissional que irá atendê-lo durante o mutirão.

Serviço - O CEM está localizado na Travessa Guia Lopes, nº 71, bairro São Francisco - Anexo ao CEM.

Leia Também

Cuidado: MS está em alerta para tempestade com granizo e alagamentos
Cidades
Cuidado: MS está em alerta para tempestade com granizo e alagamentos
Põe na Ata: Justiça ordena Harfouche a tirar vídeo com ataques a Marquinhos e à imprensa
Cidade Morena
Põe na Ata: Justiça ordena Harfouche a tirar vídeo com ataques a Marquinhos e à imprensa
Brasil tem o primeiro caso oficial de covid-19 em animal; gata vive em Cuiabá
Geral
Brasil tem o primeiro caso oficial de covid-19 em animal; gata vive em Cuiabá
Sindicato rural repudia 'indígenas' por apedrejamento de tratores em Dourados
Interior
Sindicato rural repudia 'indígenas' por apedrejamento de tratores em Dourados