(67) 99826-0686
Camara Maio

Cheios de estilo, bichinhos de estimação viram modelos em fotografias de estúdio pet

Fotógrafos inauguram hoje estúdio para que a alegria da casa faça bonito no álbum de família

3 DEZ 2016
Amanda Amaral
09h58min
Foto: Seu Pet Star

Cães, gatos e outros pets têm dia de modelo quando ficam em frente às lentes do casal Felipe Pellegrini, 41, e Célia Nazarko, 38. Agora, os fotógrafos do SeuPetStar contam com o primeiro estúdio do tipo, todo equipado, que vai ser inaugurado em evento especial neste sábado (3), na galeria Moliane Center, na Rua Amazonas, 3024, em Campo Grande.

Os ‘manequins de quatro patas’, que são os mais fotografados pela dupla, terão um dia de celebração e diversão, com petiscos, brincadeiras, palestras, sorteios de produtos e ensaios express, de graça, a partir das 9h da manhã. Além das fotos, quem passar por ali pode garantir para o mascote brinquedinhos, camisetas, quadros, livros e almofadas personalizadas, e 10% do valor das vendas será revertido para instituições que ajudam animais abandonados.

A história do casal com a fotografia de animais começou em 2012, quando tiravam fotos da própria gata, de raça gigante. Com o passar do tempo, os dois adquiriam técnicas próprias para conseguir bons cliques, aprendendo bastante com o trabalho de quem já está há mais tempo no frutífero ramo.

 “Minha esposa postava no Facebook, e o pessoal começou a pedir se ela não fotografava outros pets. Ela já era fotógrafa, adorou, e eu também comecei! O estúdio sempre foi uma vontade, porque fotografávamos na casa das pessoas, e é mais complicado”, conta Felipe. No local, eles pretendem oferecer uma experiência acolhedora, fazendo dali um ponto de encontro para quem ama animais, arrecadando rações e auxiliando ONGs.

(Foto: André de Abreu)

O estúdio amplo, com ar condicionado, deve deixar o trabalho mais fácil. “Quando é em casa, onde eles estão a vontade, geralmente chegam todos bonitinhos, mas uma vez minha esposa foi fotografar um labrador e ele pulou na piscina (risos). Aí ela e a dona ficaram secando ele”, conta.

O preço é tabelado, não importa a quantidade de animais em cada sessão e é opcional que a pessoa participe, variando de e R$ 200 a R$ 800, conforme for mais elaborado. Os quadros coloridos em estilo pop art, feitos por Célia, dependem do tamanho, variam de pouco mais de R$ 100, porque o material é importado. "Imprimimos livros com as fotos também", revela.

O fotógrafo conta um ‘segredinho’ para quem adora fotografar o amigo ou amiga pet em casa. “É bom evitar chamar atenção do bicho na palma, no grito, nós mesmos temos uma técnica. Tá com dificuldade, dá um petisquinho! Tira várias, alguma dá certo. Você também tem que estar na altura do cão, rola no chão, deita”, dá a dica. 

Veja também