Menu
sexta, 25 de setembro de 2020
Algo mais

Mãe emociona ao agradecer comissária que acalmou filho autista em voo

“Ela não julgou ou ficou nos observando, mas apenas teve amor e empatia sem hesitar” disse a mãe do menino

24 abril 2019 - 07h30Por Da redação/Vírgula

O post de uma mãe agradecendo a atenção de uma comissária de bordo se tornou viral na última semana. A americana Sonja Redding compartilhou no Facebook como a comissária Amanda Amburgy foi “uma heroína” ao ajudar a acalmar seu filho autista de cinco anos durante um ataque de ansiedade em um voo nos Estados Unidos.

“Meu filho Xayvior tem muita ansiedade e ele reage à mudanças. Durante o voo, ele teve uma crise repentina e não conseguíamos acalmá-lo por mais que tentássemos de tudo. Foi frustrante já que todos nos olhavam não entendendo que ele não é uma criança indisciplinada, mas sim uma criança com necessidades especiais que não consegue controlar seus respostas”, explica a mãe.

Ela continua: “foi então que esta atendente chegou e perguntou se poderia pegá-lo no calo e levá-lo para dar uma volta no avião. Eu avisei que ele poderia ficar agressivo, mas ela rapidamente respondeu que não tinha problema. Ela o levou para um tour no avião e nos devolveu a sanidade durante aquele momento caótico. Quando voltaram, meu filho estava mais calmo e tinha amado sua nova amiga! Ela não julgou ou ficou nos observando, mas apenas teve amor e empatia sem hesitar”.

Leia Também

Relator da PEC da 2ª instância, Fábio Trad lamenta: 'não há articulação para aprovar o texto'
Política
Relator da PEC da 2ª instância, Fábio Trad lamenta: 'não há articulação para aprovar o texto'
Obstetra envolvida em morte de Sheyza dá caminhão como fiança e fica solta
Interior
Obstetra envolvida em morte de Sheyza dá caminhão como fiança e fica solta
Baleado na mão e no tórax, vítima do falso frete segue estável em UPA
Cidade Morena
Baleado na mão e no tórax, vítima do falso frete segue estável em UPA
Usuário de drogas é morto com tiro no pescoço no Itamaracá
Polícia
Usuário de drogas é morto com tiro no pescoço no Itamaracá