tce janeiro
Menu
quinta, 27 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Campo Grande

Bebezinha esmagada em caminhão sai da sedação na Santa Casa

Ela teve a perna direita amputada na hora da batida

07 dezembro 2021 - 17h00Por Thiago de Souza

Bebezinha sobrevivente de uma tragédia em rodovia de MS, na noite do dia 25 de novembro, já não está mais sedada, na Santa Casa de Campo Grande. O quadro dela ainda inspira cuidados, nesta segunda-feira (6).  

Conforme boletim médico do hospital, a pequena está consciente, orientada e é acompanhada pela equipe ortopédica e pediátrica do hospital. 

No entanto, segue no Centro de Terapia Intensiva e o quadro ainda é grave, mas não sofreu alterações. Já são 11 dias de internação, a maior parte deles, em estado gravíssimo. 

A bebê teve uma perna direita decepada na hora do acidente e ferimentos graves no outro membro. 

Batida

A bebê seguia com o pai e a mãe, em um caminhão de nove eixos, carregado com sacos de grãos, na noite de quinta-feira (25), na MS-306, perto de Chapadão do Sul. 

O pai da criança, que dirigia o caminhão, iniciou uma ultrapassagem em local proibido e atingiu um veículo de passeio, que seguia no sentido contrário. 

Com a batida, o veículo maior tombou e o bebê ficou preso às ferragens. A vítima teve a perna direita arrancada. 

O pai e a mãe da criança foram resgatados, em estado grave, mas não correm risco de morte. O motorista do carro sofreu fraturas nos braços e pernas.