Menu
domingo, 29 de maio de 2022 Campo Grande/MS
CÂMARA MUNICIPAL MAIO 2/3 ANO
Campo Grande

Casal de catadores está com pouco para as netas e pede ajuda no Monte Alegre

Marido está desempregado e procura trabalho em Campo Grande

17 janeiro 2022 - 07h00Por Thiago de Souza

Dona Laurina Aparecida Teixeira, 51 anos, está aflita, já que o pouco que ganha não paga o aluguel e a comida da família, no Jardim Monte Alegre, em Campo Grande. Ela tem duas netas e pede ajuda. 

Conforme o relato, ela e o marido, de 64 anos, saem de madrugada para catar latinhas na cidade. O dinheiro é pouco e o aluguel, de R$ 500, atrasou. 

‘’A dona da casa ameaça me tirar de lá’’, lamentou Laurina, que mora na rua Rio Oranges. 

A história se mostra mais comovente, quando a moradora diz que se viu na obrigação de pegar a guarda de duas netas – de dois e cinco anos – que foram vítimas dos pais. 

‘’Elas estavam no abrigo... não ia deixar elas lá, mas agora tenho que dar o sustento delas’’, diz a catadora. 

Desemprego 

Teixeira diz que o marido está desempregado e já mandou currículo, mas ninguém o chamou. Ele já fez serviços de porteiro e auxiliar de limpeza e está disposto a trabalhar. 

‘’Ele só não sabe mexer com computador, essas coisas’’, detalhou Laurina. 

O pedido principal da moradora é por alimentos e pelo primeiro mês de aluguel em atraso. 

‘’Se fizessem isso, seria uma grande coisa na minha vida’’, refletiu a mulher. 

Laurina diz que quer quiser ir ver a situação de perto, está autorizado. O endereço completo é Rua Rio Oranges, 24, no Jardim Monte Alegre. 

O telefone para contato é: (67) 9 9220-5765 (Laurina).