SOLURB JULHO 1

terça, 23 de julho de 2024

Busca

terça, 23 de julho de 2024

Link WhatsApp

Entre em nosso grupo

2

WhatsApp Top Mídia News
Campo Grande

02/04/2017 14:48

Diretores da Reme serão definidos por eleição direta até fim do ano, garante ACP

Comissão para elaborar projeto sobre critérios da eleição deve entregar minuta com critérios até junho

Demanda antiga da Rede Municipal de Educação de Campo Grande (Reme), a eleição direta para escolher os diretores das 97 escolas e 102 Ceinfs (Centros de Educação Infantil) deve acontecer no segundo semestre de 2017, conforme a ACP (Sindicato Campo-grandense dos Profissionais da Educação Pública). O sindicato faz parte da comissão que tem o papel de elaborar a minuta do projeto.

Em três meses, vence o prazo para que a Semed (Secretaria Municipal de Educação) promova a implementação do Plano Municipal de Educação (PME), aprovado na Câmara de Vereadores de Campo Grande em junho de 2015. Isso quer dizer que, até junho, a comissão deverá ter todos os critérios definidos para apresentar à Câmara de Campo Grande.

“A eleição acontece no segundo semestre, é importante é acontecer este ano a escolha para a gestão democrática. Vai dar tempo de organizar os detalhes, realizar a formação dos profissionais, o prefeito Marquinhos [Trad] nos garantiu o cumprimento de todos os pedidos da categoria sobre o Plano e os prazos”, afirma Lucílio Nobre, presidente do sindicato.

Ainda conforme Lucílio, a escolha dos diretores por voto direto da comunidade escolar atende a Meta 19 do Plano. Questões como o tempo de mandato e se todos os votos dos membros da comunidade escolar terão o mesmo peso serão definidos pela comissão.  

''A ACP sempre foi pela defesa da eleição direta para diretores das escolas. Nunca concordamos com indicações'', revela Lucílio, que acredita que essa fórmula de indicar pessoas culmina em interferências políticas no âmbito educacional. No site da entidade, há uma nota que critica a nova gestão por adotar o modelo de indicações.

A Semed confirmou à reportagem que está organizando estudos sobre o Projeto de Lei e programando reunião para discutir o assunto também com outros seguimentos além da ACP, entre eles a Comissão de Educação da Câmara e o Conselho de Diretores. A secretaria ressalta, por meio de assessoria de imprensa, que o assunto ainda deve ser discutido dentro do legislativo municipal.

Loading

Carregando Comentários...

Veja também

Ver Mais notícias
AMIGOS DA CIDADE MORENA ABRIL NOVEMBRO