TJMS SETEMBRO e outubro
Menu
quarta, 20 de outubro de 2021 Campo Grande/MS
senar 18/10 a 21/10
Campo Grande

Governo promete ajudar motoristas de aplicativo e de táxi

Além de isenção do IPVA e redução de taxas do Detran-MS, governo estuda criar política estadual de apoio aos motoristas

16 setembro 2021 - 14h27Por Vinicius Costa

O Governo de Mato Grosso do Sul se comprometeu a ajudar motoristas de aplicativos e taxistas que sofreram para se manter na profissão durante a pandemia da covid-19. A categoria e autoridades estiveram reunidas nesta quinta-feira (16).

O encontro contou com a presença do prefeito Marquinhos Trad. A intenção é encontrar maneiras de minimizar os impactos na atividade econômica.

Três pontos principais em benefício ao segmento pautaram a reunião: incentivo estadual para a conversão de veículos convencionais em GNV (Gás Natural Veicular), redução de taxas do Detran (Departamento Estadual de Trânsito) e isenção de IPVA (Imposto sobre a propriedade de veículos automotores) de carros cadastrados em aplicativos.

Após as tratativas, Reinaldo Azambuja declarou que estudará os pontos abordados, mas explicou que firmou um compromisso em criar uma política estadual de apoio aos operadores do serviço de modo a incentivar a atividade econômica.

Nessa nova política estadual, que será formatada com os profissionais do transporte de passageiros, motoristas de táxi também serão beneficiados.

"Montamos um grupo de trabalho que rapidamente vai criar uma política estadual em apoio a todo esse segmento", garantiu Reinaldo Azambuja. Segundo ele, o objetivo é "fortalecer a categoria, gerar oportunidades e, principalmente, devolver renda aos motoristas, além de dar mais competitividade à atividade econômica".

Pelo menos cinco mil motoristas abandonaram a atividade no último ano só em Campo Grande, conforme estimativa do Sindimob-MS (Sindicato dos motoristas de aplicativo e mobilidade urbana). Eram sete mil antes do encarecimento do serviço e agora são dois mil.