tjms julho
Menu
Busca sexta, 10 de julho de 2020
ALMS
Cidade Morena

Prepare o bolso! Paciente reclama de demora e preço de laudos médicos na Santa Casa

Hospital justifica burocracia e diz que há excessivo volume de emissão de prontuários

23 fevereiro 2019 - 11h30Por Amanda Amaral

Cópias de laudos que demoram mais de 30 dias para ser entregues e que têm o valor aumentado conforme número de páginas. Essa é a reclamação de um paciente da Santa Casa de Campo Grande, que afirma ter demorado mais de um mês para ter acesso ao documento.

O paciente, que não quis ser identificado pela reportagem, reclama dos preços a serem pagos pelo direito de ter acesso ao documento. Os preços cobrados por folha deixam caro laudos extensos, alegam os atendidos pelo hospital.

Conforme a assessoria de imprensa do hospital, o prazo de entrega de prontuários não costuma ultrapassar os 30 dias. O prazo solicitado seria pelo fato dos prontuários chegarem em alguns casos, a 500 páginas, além da quantidade de prontuários ser ‘vultuosa’.

Só no Same (Serviço de Arquivo Médico e Estatística) são abrigados em arquivos cerca de 1,3 milhão de prontuários cadastrados e mais de 4 milhões de atendimentos registrados. Quanto a variação de preço, a administração da Santa Casa informa que é uma prática para custear as impressões e que de fato depende da quantidade de folhas utilizadas.

A ficha de urgência tem o custo de R$ 5 até 25 folhas e documento de internação tem custo de R$ 10 até 50 folhas. Passado esse limite de folhas, é cobrado 20 centavos por cada uma a mais. 

Leia Também

Mulher morre em batida de caminhão e carro na BR-163
Interior
Mulher morre em batida de caminhão e carro na BR-163
Homem de 77 anos com suspeita de covid morre em São Gabriel D’Oeste
Cidades
Homem de 77 anos com suspeita de covid morre em São Gabriel D’Oeste
Grupo de pagode Buxixo faz live solidária com grandes sucessos dos anos 90
Cidade Morena
Grupo de pagode Buxixo faz live solidária com grandes sucessos dos anos 90
18 meses após tragédia, Bombeiros encontram mais um corpo em Brumadinho
Geral
18 meses após tragédia, Bombeiros encontram mais um corpo em Brumadinho