Menu
segunda, 25 de outubro de 2021 Campo Grande/MS
Cidades

Uber Moto inaugura com preços baixos, mas sem pilotos para corridas

Segundo a empresa, modalidade conta com medidas de prevenção contra covid, como a limpeza de mãos e superfícies da moto com álcool em gel

13 maio 2021 - 11h00Por Nathalia Pelzl

O Uber Moto começou a operar, nesta quarta-feira (12), em Campo Grande. Conforme a empresa Uber, o preço nesta modalidade será menor que o cobrado em viagens de carro.

 A nova modalidade começou a operar em Aracaju em novembro de 2020, e agora está expandindo, como exemplo da Cidade Morena.

A novidade já consta na plataforma da Uber e o TopMídiaNews fez a simulação de possíveis destinos de viagem para saber valores.

Do bairro Jardim Centenário ao Shopping Campo Grande, na Avenida Afonso Pena, a plataforma calculou um valor de R$ 13,60, uma diferença significativa se comparado com o valor de um carro, que estava dando R$ 29,02. 

Já se o cliente estivesse no Bairro Zé Pereira e optasse por ir até o Shopping na Avenida Afonso Pena, pagaria R$ 12,45 de moto e R$ 20,06 de carro. 

No entanto, em ambos os casos, não havia ‘carros disponíveis’, conforme aviso da plataforma. 

O questionamento sobre a quantidade de motoristas cadastrados até o momento foi enviado à empresa, que informou que não tem dados regionais sobre o cadastramento. O balanço é divulgado a cada três meses.  

Segurança da modalidade 

Segundo a empresa, as viagens de Uber Moto contarão com uma série de recursos de segurança oferecidos pela plataforma da Uber nas demais modalidades, como um seguro para acidentes pessoais tanto para usuários quanto para parceiros.

Assim como os entregadores parceiros do Uber Eats, condutores do Uber Moto receberão conteúdo educacional sobre segurança viária, estimulando a direção segura e o respeito às leis de trânsito. Todos os parceiros da Uber também passam por uma checagem de identidade via selfie, e, desde o começo da pandemia, uma selfie adicional verifica o uso de máscara.

A Uber também contratou um especialista para validar um protocolo de prevenção ao coronavírus específico para o Uber Moto.

O trabalho foi realizado pelo médico Alexandre Naime Barbosa, que é chefe do Departamento de Infectologia da Unesp e consultor para Covid-19 da Sociedade Brasileira de Infectologia e da Associação Médica Brasileira.

Entre as recomendações que serão informadas aos usuários e parceiro estão a limpeza de mãos e superfícies da moto com álcool em gel, que os usuários levem seus próprios capacetes, ou que capacetes extras sejam higienizados com produtos específicos e usados com toucas higiênicas - que podem ser fornecidas pelos condutores e reembolsadas pela Uber.

"A Covid-19 é uma doença com alta taxa de transmissibilidade, então elaboramos recomendações com o objetivo de reduzir substancialmente a chance de infecção entre pessoas que usam o serviço", afirma Barbosa. 

Ele explica ainda que o uso de máscaras de forma correta segue sendo a medida de prevenção mais efetiva quando a proximidade entre as pessoas é inevitável, como em meios de transporte.

Leia Também

Lendas Pantaneiras: Escola e Cinema
Informe Publicitário
Lendas Pantaneiras: Escola e Cinema
Obrigado a limpar o chão, vendedor sofre novos ataques no Carrefour: 'Pedro da Limpeza'
Campo Grande
Obrigado a limpar o chão, vendedor sofre novos ataques no Carrefour: 'Pedro da Limpeza'
Morto na fronteira era advogado e ex-funcionário de prefeitura
Interior
Morto na fronteira era advogado e ex-funcionário de prefeitura
Com estoque para 3 dias, Humap precisa de doação urgente de leite materno
Campo Grande
Com estoque para 3 dias, Humap precisa de doação urgente de leite materno