Menu
domingo, 28 de fevereiro de 2021
Cidades

Vai fazer o Enem? Confira as medidas de segurança durante a prova

Máscaras são obrigatórias desde a entrada até a saída do local de provas

17 janeiro 2021 - 07h28Por Nathalia Pelzl

A aplicação da primeira prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 será realizada neste domingo (17) para 82.637 candidatos em Mato Grosso do Sul, 34.458 deles em Campo Grande.

As provas serão aplicadas e todas as medidas de biossegurança devem ser seguidas. 

Os portões serão abertos às 10h30, meia hora antes do previsto nos editais, e vão fechar ao meio-dia. A prova será aplicada às 12h30.

Enquanto o exame impresso está marcado para os dias 17 e 24 de janeiro, a aplicação da versão digital ocorrerá em 31 de janeiro e 7 de fevereiro. Em todo o país, o Enem conta com 5.783.357 inscritos.

Somente entre as unidades da Rede Estadual de Ensino (REE) sul-mato-grossenses, são 135 locais de 41 municípios, 21 deles na Capital.

De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), as principais medidas de biossegurança adotadas são: uso obrigatório de máscara desde a entrada nos locais de aplicação, higienização das mãos com álcool em gel antes de entrar na sala e o distanciamento entre participantes e aplicadores. 

Máscaras

O participante que não utilizar a máscara cobrindo totalmente o nariz e a boca, desde sua entrada até sua saída do local de provas, ou recusar-se, injustificadamente, a respeitar os protocolos de proteção contra a Covid-19, a qualquer momento, será eliminado do exame. 

Só será permitida a retirada da máscara para alimentação ou ingestão de líquidos. O candidato poderá levar mais de uma máscara para troca ao longo do dia. As máscaras serão verificadas pelos fiscais para evitar possíveis infrações, respeitando a distância recomendada. 

O uso de máscara será obrigatório também para os aplicadores e acompanhantes de mães que estiverem amamentando. O descarte da máscara de proteção contra a Covid-19, durante a aplicação do exame, deve ser feito pelo participante de forma segura, nas lixeiras do local de provas.

Casos suspeitos

Pessoas de grupos de risco, como idosos, gestantes e pessoas com doenças respiratórias ou que afetam a imunidade, receberão tratamento diferenciado no ensalamento. A ocupação nessas salas será de até 25% da capacidade máxima. 

Quem estiver com sintomas de Covid-19 ou com outras doenças infectocontagiosas, não devem comparecer aos locais de aplicação. Nesses casos, a condição deverá ser comunicada, por meio da Página do Participante, antes da aplicação do exame. 

Os participantes que apresentarem sintomas na véspera ou no dia da prova deverão procurar o serviço de saúde para diagnóstico e informar sua condição por meio da Página do Participante e pela Central de Atendimento (0800 616161).