Menu
terça, 22 de setembro de 2020
Cidades

VÍDEO: tronco de árvore cai em poste de energia e moradora fica mais de 24 horas no escuro

Mulher perdeu alimentos, como carne e leite; Energisa não vai arrumar problema

29 maio 2019 - 19h00Por Nathalia Pelzl

A secretária Adryelle Silva Prestes Martins, 24 anos, ficou no escuro após um tronco de árvore cair em cima do poste e prejudicar o fornecimento de energia na sua residência, na Rua Otaviano Mascarenhas, no bairro Jockey Clube, em Campo Grande.

Segundo ela, na rua existem duas árvores que estão secas e mortas. Ela relatou que ontem (28) por volta do 12h, um dos troncos caiu em cima do poste com o padrão de energia.

“O tronco caiu e derrubou todos os fios, o meu poste de fornecimento de energia caiu. Eu liguei várias vezes para prefeitura e Bombeiros falando sobre as árvores, e tudo que pude pra ver se resolve e ninguém resolve, um joga pro outro. Ontem aconteceu a queda”, relata.

Com um filho pequeno, Adryelle lamenta que já perdeu alimentos, como carne e leite. Além disto, devido ao bairro ser perigoso, está ficando sozinha no local, enquanto a criança fica na casa da mãe.

“Estou desde ontem sem energia. Tenho um filho de quatro anos, estragou todas as coisas da geladeira, carne, leite, algumas frutas, já não sei mais o que faço. Pedi pra Energisa pra eles colocaram pelo menos uma luz, e eles simplesmente me ignoraram. Sem luz, estou deixando meu filho na minha mãe e eu ficando na casa, mesmo com medo, pois ali é um bairro perigoso", diz.

Outro lado

Em nota, a concessionária Energisa informou que equipes foram enviadas ao local no início da tarde de ontem (28) e reforçou que a interrupção do fornecimento de energia foi ocasionada por um galho que caiu na rede elétrica e danificou o padrão. Destacou ainda que, por motivos de segurança, a unidade consumidora da cliente foi isolada. 

A empresa pontuou que a moradora acionou a Energisa no início da noite e equipes foram ao local, sendo impedidas de efetuar os reparos necessários. "A Energisa ressalta que a instalação ou substituição do padrão é de responsabilidade do cliente, e que aguarda a adequação do equipamento para normalizar a energia no local", diz a nota.

Já sobre a poda e retirada dos galhos, a prefeitura informou que, será feita a retirada, mas no endereço mencionada não existe a solicitação formal, conforme alega a moradora. 

Sendo de responsabilidade do interessado solicitar a remoção ou poda, através da Central de Atendimento ao Cidadão. 

"Após a abertura deste processo, o mesmo será encaminhado à Semadur para que o fiscal realize a vistoria e assim seja emitido o laudo de vistoria. Somente após o laudo expedido pelo agente fiscal o munícipe será autorizado ou não a realizar a poda ou a remoção da árvore", explica a prefeitura. 

Leia Também

Correios devem retomar 100% das atividades hoje
Geral
Correios devem retomar 100% das atividades hoje
Bandidos mortos em confronto na fronteira tinham invadido residência em Naviraí
Polícia
Bandidos mortos em confronto na fronteira tinham invadido residência em Naviraí
Réu por feminicídio, Rômulo se cala diante de juiz e defesa pede devassa nas contas de Grazi
Cidade Morena
Réu por feminicídio, Rômulo se cala diante de juiz e defesa pede devassa nas contas de Grazi
Padrasto de menina atingida por tiro de chumbinho é considerado foragido
Polícia
Padrasto de menina atingida por tiro de chumbinho é considerado foragido