Menu
terça, 22 de setembro de 2020
Cultura

Capital recebe o festival “IPêrformático”

O evento tem como objetivo promover a arte contemporânea através da linguagem da performance

05 abril 2019 - 11h25Por Da redação/Assessoria

Acontece de 5 a 15 de abril o festival “IPêrformático – capítulo II: E se não houver luz no fim do túnel?” que será composto de performances, vídeos, oficinas, debates, exposições e palestras com artistas locais e de diversos estados sendo realizado gratuitamente no Centro Cultural José Octávio Guizzo (CCJOG), Museu de Arte Contemporânea (MARCO), Museu da Imagem e do Som (MIS), Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) e em diversos locais da capital.

O festival é organizado pelo coletivo IPêrformático e foi contemplado pelo Fundo de Investimentos Culturais (FMIC) em 2018 pela Secretaria de Cultura e Turismo de Campo Grande (SECTUR) e tem o apoio da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS) e da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS). O evento tem como objetivo promover a arte contemporânea através da linguagem da performance a partir da formação de artistas e de público, diálogos e intercâmbios, fomentando a arte contemporânea local dentro do contexto cultural sul-mato-grossense unindo-o ao cenário nacional.

“O Festival IPêrformático - capítulo II: E se não houver luz no fim do túnel? é a continuação e ampliação da  primeira edição. Com ele possibilitamos um movimento positivo a nosso cenário artístico e cultural não só para Campo Grande como para nosso estado que tem sua cultura e artes tão ofuscados dentro do contexto nacional”, explica Alice Yura, uma das organizadoras do evento.

“Trazemos o fortalecimento e incentivo à produção contemporânea de arte e possibilitamos uma troca ativa com o público e o meio cultural campo-grandense. O nome do festival vem da união, IP (número de identificação), o sufixo hiper, a palavra performance e nosso símbolo regional a árvore ipê; trazendo forma  e  conteúdo, conceito e estética fortalecendo e engajando nossa produção local com qualidade e originalidade dentro do nosso contexto cultural”, conta Alice.                                                                                        

Confira a programação:

PERFOMANCES

  • 5 de abril (sexta-feira)

MARCO (Museu de Arte Contemporânea)

19 horas - Performance Mulheres de Luz do Coletivo Artístico do Movimento Mulheres pela Democracia

Classificação: 18 anos

19h30 - Abertura do festival com a palestra da artista Virginia de Medeiros (BA/SP) - Poéticas da assimetria.

Classificação: 18 anos

  • 06 de abril (sábado)

12 horas - Praça Ary Coelho

Caminhos – Uma Intervenção Urbana – Cia Enviezada (RJ)

Classificação livre

  • 07 de abril (domingo)

10 horas - Parque do Sóter / Praça Ary Coelho / Relógio da Calógeras / Praça Aquidauana / Praça Cuiabá

Performance Virá – Maíra Espíndola (MS)

Classificação livre

  • 08 de abril (segunda-feira)

19 horas – Centro Cultural José Octávio Guizzo

Performance ANHANGÆ - Dudx (MS/SP)

Classificação: 18 anos

  • 09 de abril (terça-feira)

15h30  – Centro Cultural José Octávio Guizzo

Performance LambeTrans - Leona Jhovs (SP)

Classificação livre

18h30 - MARCO (Museu de Arte Contemporânea)

Performance Anatomia Feminina - Alice Yura (MS)

Classificação: 18 anos

  • 10 de abril (quarta-feira)

12 horas - Rua 14 de julho esquina com a Cândido Mariano

Performance Corpus Presente - Grupo Maracangalha (MS)

Classificação livre

  • 11 de abril (quinta-feira)

15 horas - Calçadão Camelódromo

Performance Manicure Política - Lyz Parayzo (RJ)

Classificação livre

12 de abril (sexta-feira)

18 horas - UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul)

Aula-performance: Bem-vindo à aula Vlad - Thiago Moraes (MS)

Classificação: 18 anos

  • 13 de abril (sábado)

20 horas - Galeria de vidro

Performance B.U.N.I.T.A [CE] - Estela Lapponi (SP)

Classificação: 18 anos

  • 14 de abril (domingo)

17 horas - MARCO (Museu de Arte Contemporânea)

Performance EXODUS Perto da Flor - Patricia Saravy (PR/MS)

Classificação:18 anos

  • 15 de abril (segunda-feira)

20 horas - Sarau de Segunda

Por quê Ele vive posso crer no amanhã? – Estefânia Martins (MS)

Classificação livre

EXPOSIÇÕES – Classificação 18 anos

  • MARCO (Museu de Arte Contemporânea) - 5 a 15 de abril       

Exposição: E se não houver luz no fim do túnel?

  • Centro Cultural José Octávio Guizzo - 8 a 15 de abril

Exposição No Princípio Era Nada – Galeria Wega Nery

Exposição Estar a Par – Sala Ignês Corrêa da Costa

DEBATES

  • 09 de abril (terça-feira)

MARCO (Museu de Arte Contemporânea)

20 horas - Se a Arte Fosse Travesti?

  • 13 de abril (sábado)

MIS (Museu de Imagem e Som)

16 horas - Acessibilidade e o corpo intruso (16h)

  • 14 de abril (domingo)

MARCO (Museu de Arte Contemporânea)

16 horas - Meu corpo não é público

FILME

  • 13 de abril (sábado)         

MIS (Museu da Imagem e do Som)

15 horas - Exibição do filme ProfanAÇÃO

OFICINAS                                   

  • Centro Cultural José Octávio Guizzo

Oficina Afete-se (20 pessoas)

08/04 a 12/04 (9h às 11h)

Ministrante: Alice Yura (MS)

Classificação: 18 anos

  • Oficina Composição Criativa Através de Vários Pontos de Vistas – (28 pessoas)

09/04 e 10/04 (10h às 13h)

Ministrante: Zé Alex (Cia Enviezada – RJ)

Classificação: 18 anos

  • Workshop Poéticas Corporais: criando personagens através de processos individuais (20 pessoas)

10/04 (14h às 17h)

Ministrante: Dudx (SP)

Classificação:18 anos

As  oficinas tem vagas limitadas e as inscrições podem ser feitas de terça a sexta das 8 às 22 horas e sábado das 8 às 18 horas no Centro Cultural José Octávio Guizzo que fica na rua 26 de Agosto, 453 – Centro. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3317-1795.

Leia Também

Jovem finca agulha de narguilé e mata namorado após discussão por pastel
Geral
Jovem finca agulha de narguilé e mata namorado após discussão por pastel
Apesar de fracas, chuvas continuam na terça e deixam clima fresquinho em Campo Grande
Cidades
Apesar de fracas, chuvas continuam na terça e deixam clima fresquinho em Campo Grande
Trio morre ao trocar tiros com policiais do DOF após assalto em Naviraí
Interior
Trio morre ao trocar tiros com policiais do DOF após assalto em Naviraí
Brasil tem 377 mortes por covid em 24 horas e total chega a 137 mil
Geral
Brasil tem 377 mortes por covid em 24 horas e total chega a 137 mil