(67) 99826-0686

Profissionais do Audiovisual em MS comentam liberação de verbas pelo BNDES

Cinema

27 NOV 2013
Aline Oliveira
20h05min
Divulgação


Na última quarta-feira (27), o BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social) divulgou que destinará R$ 14 milhões para 16 novas produções audiovisuais, por meio da seleção de Projetos Cinematográficos 2013. Do total de obras que receberão apoio financeiro, seis são filmes de ficção, seis documentários, duas animações e dois projetos de finalização, em qualquer uma dessas três últimas categorias.


Desde que o projeto do BNDES foi lançado em 1995 já apoiou a produção e finalização de 384 mil filmes, com alocação de R$ 159 milhões em recursos. Além de financiar novos filmes, o banco já apoiou o financiamento de 259 novas salas de cinema em vários Estados brasileiros.


Em Mato Grosso do Sul, o presidente a ACV/MS (Associação de Cinema e Vídeo de Mato Grosso do Sul), Orivaldo Mendes Júnior ressaltou que infelizmente verbas como esta se destinam somente a grandes produções. "Estes recursos são liberados basicamente para grandes produções, por isso acredito que o governo federal deve descentralizar as verbas de produção e fomentar o audiovisual no interior do país. Enquanto o Eixo Rio-São Paulo recebe incentivos constantes, nós aqui do Centro-Oeste temos que fazer 'das tripas coração' para conseguir algum patrocínio", criticou.


Já o diretor e roteirista, Breno Benetti elogia o crescimento de investimentos no setor audiovisual brasileiro, porém destaca que ainda são muito poucos. "Se considerarmos que o cinema é uma arte perene, não me admira este crescimento do setor. No entanto, os investimentos voltados ao audiovisual ainda são tímidos, porém, tenho certeza que crescerão bastante daqui pra frente", analisou.


Categorias - As categorias contempladas são os blockbusters e as produções de arte, com dois filmes selecionados e recebimento de R$ 1,5 milhão cada. No segundo grupo, quatro filmes serão favorecidos com R$ 1 milhão.


Já os documentários, das seis produções escolhidas, cada uma receberá R$ 500 mil. Foram selecionadas também duas animações com R$ 1,5 milhão e dois projetos de finalização com R$ 500 mil. Os interessados em participar poderão se inscrever até 31 de janeiro de 2014 e a divulgação do resultado será feita até junho do mesmo ano.

Veja também