Menu
segunda, 20 de setembro de 2021 Campo Grande/MS
Geral

Bolsonaro diz que protesto da esquerda foi vazio por falta de maconha

Presidente também atribuiu a pouca presença à falta de dinheiro para manifestantes

31 maio 2021 - 16h36Por Thiago de Souza

O presidente Jair Bolsonaro ironizou, nesta segunda-feira (31), os protestos organizados por partidos de esquerda contra o governo dele, no sábado (29), em diversas cidades do País. Para o chefe do Executivo, a baixa presença de pessoas se deveu à falta de maconha.  

A fala de Bolsonaro foi dirigia aos apoiadores dele, na frente do Palácio da Alvorada, em Brasília. O presidente arrancou risos de seus fiéis torcedores. 

‘’... a PF [Polícia Federal] e a PRF [Polícia Rodoviária Federal] estão apreendendo muita maconha pelo Brasil. Faltou erva para o movimento", ironizou o presidente. 

Protestos

Segundo o UOL, houve manifestações contra o governo Bolsonaro em 22 estados e no Distrito Federal.  

As maiores foram no e Rio de Janeiro e São Paulo, onde houve aglomeração na frente do Museu de Arte de São Paulo. A maioria dos presentes usava roupas vermelhas e camisetas de partidos políticos de esquerda. 

A manifestação criticava os vários aspectos do governo Bolsonaro, sobretudo a condução do presidente na pandemia da covid-19. Os ativistas culpavam Bolsonaro pela falta de vacinas e também o criticaram pelo baixo valor do novo auxílio emergencial.