TJ BANNER JUNHO 2022
PREF MARACAJU JUNHO REFIS 2022
Menu
sábado, 25 de junho de 2022 Campo Grande/MS
GOV ENERGIA ZERO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
Geral

Cantora antivacina pega covid de propósito e morre aos 57 anos

Ela chegou a comemorar ter pego a doença

18 janeiro 2022 - 20h48Por Thiago de Souza

A cantora Hana Horka, 57 anos que fazia campanha contra a vacina contra a covid-19, pegou a doença de propósito e morreu, na República Tcheca. 

Segundo o G1, o objetivo da artista, que faz parte do grupo ‘’Asonance’’ era se contaminar e obter o passaporte da vacinação. O óbito ocorreu no domingo (16), mas a revelação foi feita pela família posteriormente. 

O filho da cantora disse à rádio pública, iRozhlas, que realmente a mãe era contra a vacinação. Ele e o pai estavam imunizados, mas contraíram a doença no fim de 2021. 

‘’É triste que ela quis mais acreditar em estranhos do que em sua própria família", lamentou o filho.

Hana chegou a comemorar nas redes sociais, o fato de estar contaminada. 

‘’... desta forma, poderei ter uma 'vida livre' como os outros, ir ao cinema, tirar férias, ir à sauna, ao teatro", escreveu quando soube que estava infectada. Muitos internautas e fãs da artista apoiaram a atitude de Horka. 

O filho relatou que a mãe teve complicações dois dias antes da morte. No dia da morte, ela voltou de uma caminhada, com dores nas costas e morreu por sufocamento na cama. 

Jan também contou que ele e o pai tentaram incansavelmente convencer a cantora a se vacinar, em vão. Ele espera que, ao dividir a trágica história sobre a morte de sua mãe, poderá esclarecer sobre a importância de ouvir especialistas e confiar em dados seguros sobre a vacinação.