Menu
segunda, 20 de setembro de 2021 Campo Grande/MS
Geral

'Estão esticando a corda': Bolsonaro reage às críticas contra o governo

O presidente segue sendo contrário ao fechamento das atividades para melhorar a condição dos hospitais que enfrentam superlotação

21 março 2021 - 17h50Por Vinicius Costa

Jair Bolsonaro aproveitou este domingo (21), data de seu aniversário quando comemora os 66 anos, para discursar aos apoiadores que estiveram esperando por ele do lado de fora do Palácio do Planalto. Nele, disse que os críticos "estão esticando a corda" sobre seu governo.

“Estão esticando a corda e faço qualquer coisa pelo meu povo. Qualquer coisa que está na Constituição, é o direito de ir e vir. Podem confiar na gente”, declarou.

O governo de Bolsonaro enfrenta o maior desafio desde que assumiu a presidência, nas eleições de 2018. O presidente segue sendo contrário ao fechamento das atividades para melhorar a condição dos hospitais que enfrentam superlotação.

De acordo com a revista Isto É, o presidente chegou a cogitar a possibilidade de decretar estado de sítio, indo na contramão dos governadores que estão adotando medidas mais rígidas para controlar a pandemia, mas negou que usaria a medida radical.

Ainda aos apoiadores, Bolsonaro explicou que só sai da presidência pela vontade de Deus. “Pode ter certeza de uma coisa: minha força vem de Deus e de vocês. Se alguém acha que algum dia abriremos mão da nossa liberdade estão enganados".

“Vocês me deram um voto de confiança na eleição de 2018. Enquanto eu for presidente, só Deus me tira daqui. Eu estarei com vocês", acrescentou.