(67) 99826-0686

Corpo desovado é de fugitivo que matou e jogou mulher dentro de poço há 6 anos

Ele deveria estar preso no regime semiaberto

18 ABR 2019
Thiago de Souza
17h38min

A Polícia Civil identificou o corpo encontrado em na manhã desta quinta-feira (18), com as mãos e pés amarrados, no bairro IV Plano, em Dourados. Ele é Wagner Sebastião dos Santos Haak, 27 anos, que matou a mulher e a jogou em um poço há seis anos.

Wagner estava foragido do presídio semiaberto e foi reconhecido pelo cunhado e depois pelo irmão. O corpo estava enrolado em três lencóis.

A suspeita é que o corpo tenha sido desovado no local durante a madrugada. O caso é investigado.

Crime em 2012

Em novembro de 2012 Wagner acabou preso suspeito de matar e jogar dentro de um poço em Carumbé, distrito de Itaporã, Ana Moraes Marcelino, na época com 54 anos.

O corpo da vítima foi encontrado em avançado estado de decomposição. Conforme apurado na época o rapaz disse que estava na casa da vítima bebendo, quando se desentenderam, resultando no homicídio.

 

 

 

 

Veja também