Menu
quarta, 28 de outubro de 2020
Oportunidades

Começam hoje inscrições para o programa Jovem Aprendiz dos Correios

Oportunidade

02 janeiro 2014 - 15h45Por Willian Leite

O programa jovem Aprendiz dos Correios oferece  a partir de hoje (2), 2.529 vagas e formação de cadastro reserva. O candidato deve ter entre 14 e 22 anos e estar matriculado e frequentando a escola, caso não tenha concluído o ensino médio.

O programa é uma parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), e capacitará os jovens no curso de auxiliar administrativo, oferecendo bolsa no valor de R$ 318,26  mensais, vale-transporte, vale-alimentação e assistência médica e odontológica nos ambulatórios da ECT. A jornada de aprendizagem é de 20 horas semanais e o curso possui duração de 12 meses consecutivos. Ao final desse período, os aprendizes que tiverem obtido bom aproveitamento receberão certificado de qualificação profissional.

Com esta iniciativa, os Correios visam proporcionar aos jovens o ingresso no mercado de trabalho, bem como incentivar a continuidade dos estudos, cumprindo assim seu papel de empresa pública e agente do governo na implantação das políticas para o desenvolvimento nacional.

As inscrições terminam no dia 19 de janeiro. O edital completo do processo seletivo e o quadro de vagas por localidade estão disponíveis no endereço: www.correios.com.br/institucional/concursos/correios.

Leia Também

Acusada de matar 'Jhon Lenon' diz que ele chegou a arremessar pia nela durante agressões
Polícia
Acusada de matar 'Jhon Lenon' diz que ele chegou a arremessar pia nela durante agressões
Médico critica uso de máscara e oferece atestado para dispensá-lo
Geral
Médico critica uso de máscara e oferece atestado para dispensá-lo
Suspeito de bater na esposa, marroquino deixa Campo Grande: 'medo de morrer'
Cidade Morena
Suspeito de bater na esposa, marroquino deixa Campo Grande: 'medo de morrer'
VÍDEO: em Nova Andradina, Hashioka ganha apoio da ministra Tereza Cristina
Interior
VÍDEO: em Nova Andradina, Hashioka ganha apoio da ministra Tereza Cristina