Menu
segunda, 21 de setembro de 2020
Polícia

Dois são presos com carreta roubada; proprietário era mantido refém em MT

O proprietário do veículo era mantido refém pela quadrilha no estado vizinho

24 maio 2019 - 10h17Por Anna Gomes

Samuel Pantaleão Nunes, de 32 anos e Jesiane Ferreira de Amorim, de 33 anos, foram presos por envolvimento em associação criminosa ao tentarem atravessar uma carreta para a Bolívia, na tarde de quinta-feira (23).

A apreensão, de acordo com o Diário Corumbaense aconteceu por meio de trabalho conjunto, entre a Receita Federal e as Polícias Civis de Mato Grosso e de Ladário. O proprietário do veículo, era mantido refém pela quadrilha no estado vizinho, sendo liberado após a prisão dos dois envolvidos aqui na região de fronteira.

Conforme a Polícia Civil de Ladário, equipe da Receita Federal foi quem os acionou, depois de constatar irregularidades na documentação de viagem. Samuel Pantaleão, não apresentava autorização de transporte internacional e tentava atravessar a carreta para a Bolívia sem o MIC/Lastre.

Ao chegar no local, os investigadores da PC de Ladário, indagaram Samuel e ele revelou que quem havia entregue o documento de viagem foi Jesiane, moradora de Corumbá. Ela ainda teria passado instruções a ele, pedindo para que enviasse a todo o momento a localização pelo aplicativo WhatsApp. Os policiais realizaram uma consulta ao recinto alfandegário Agesa e confirmaram que o documento portado pelo condutor do caminhão era falso.

 

Leia Também

Mulher surta ao ver mensagem de outra e ameaça matar namorado com faca
Interior
Mulher surta ao ver mensagem de outra e ameaça matar namorado com faca
Homem é morto após quebra-pau em residência em Sidrolândia
Interior
Homem é morto após quebra-pau em residência em Sidrolândia
Calor dá trégua e MS terá chuvas, com queda de temperatura nesta segunda-feira
Cidades
Calor dá trégua e MS terá chuvas, com queda de temperatura nesta segunda-feira
Mulher que matou o marido com facada pode estar grávida do falecido
Polícia
Mulher que matou o marido com facada pode estar grávida do falecido