Menu
domingo, 28 de novembro de 2021 Campo Grande/MS
ALMS - NOVEMBRO
Polícia

Empresários e servidores presos em ação contra fraude em licitação são levados para penitenciária

Vereadora Denize Portollann (PR) ficou em uma sala da OAB no 1º DP de Dourados

31 outubro 2018 - 19h36Por Thiago de Souza

Servidores e empresários presos na Operação Pregão, deflagrada pelo Grupo Especializado no Combate à Corrupção, do Ministério Público Estadual, nesta quarta-feira (31), foram levados para a Penitenciária Estadual de Dourados, na tarde de hoje.

Conforme o Dourados News, a ação mirou fraudes em licitações da prefeitura local, envolvendo a contratação de uma empresa de energia sem concorrência, por R$ 1.958.000,00.

Os presos enviados para a PED são: o  secretário Municipal de Fazenda, João Fava Neto, o diretor do Departamento de Licitação, Anilton Garcia de Souza e Messias José da Silva, dono da empresa Douraser Prestadora de Serviços de Limpeza e Conservação – Eireli.

Todos os mandados de prisão cumpridos hoje são preventivos.Também foram realizados 16 mandados de busca e apreensão

Vereadora

Além de empresários e servidores, a vereadora Denize Portollann (PR), ex-secretária de Administração e Educação do governo Délia Razuk (PR), também foi presa. Ela permanece na sala do OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), no 1º Distrito Policial de Dourados.

No total, participaram da operação 13 equipes, compostas por aproximadamente 75 policiais militares, civis e servidores, além dos seis promotores de Justiça de Dourados e Campo Grande.