Menu
quarta, 02 de dezembro de 2020
Polícia

Homem é preso após agredir e cortar pulsos da ex-mulher em cidade do MS

A vítima relatou estar separada do autor, mas ambos ainda moram na mesma casa junto com os filhos do casal

08 maio 2019 - 15h23Por Da redação/Folha MS

Mais um caso de violência doméstica foi registrado pela Polícia Militar de Corumbá na madrugada desta quarta-feira (7). Desta vez uma mulher de 33 anos, foi agredida com socos e teve o pulso cortado com uma faca pelo agressor. De acordo com o registro policial, a guarnição da Rádio Patrulha foi acionada por volta da 00h30 para atender a ocorrência em uma casa localizada no bairro Guatós.

No local os policiais entraram em contato com a vítima, que relatou estar separada do autor de 38 anos, mas que ambos ainda moram na mesma casa junto com os filhos do casal.

Segundo informações prestadas pela vítima, o homem teria recebido um dinheiro decorrente de um acerto profissional e saiu para beber durante a noite. Ao retornar para casa, o mesmo apresentou comportamento agressivo e desferiu um soco no rosto da vítima.

Ainda conforme informações, em posse de uma faca, o agressor teria cortado o pulso da mulher e passou a quebrar os móveis e eletrodomésticos da casa.

Ele teria danificado a geladeira, fogão, televisor e as portas do imóvel. Logo em seguida o homem fugiu, mas foi localizado pela guarnição e preso. Diante dos fatos, autor e vítima foram encaminhados para o plantão da 1ª DP de Corumbá onde o caso foi registrado.

Leia Também

Depois de agredir esposa grávida, homem cai de altura de quatro metros e morre no Oliveira III
Cidade Morena
Depois de agredir esposa grávida, homem cai de altura de quatro metros e morre no Oliveira III
Vídeo: roda dupla de caminhão se solta e 'atropela' mulher em calçada em Amambai
É milagre que chama?
Vídeo: roda dupla de caminhão se solta e 'atropela' mulher em calçada em Amambai
Em meio a afastamento, Wilson Witzel se batiza em igreja evangélica do Rio
Geral
Em meio a afastamento, Wilson Witzel se batiza em igreja evangélica do Rio
Plano do Governo prioriza idosos, presos e indígenas na vacina contra a covid
Geral
Plano do Governo prioriza idosos, presos e indígenas na vacina contra a covid