tjms julho
ALMS - RAMAL
Menu
Busca sábado, 11 de julho de 2020
REFIS SAUDE
Polícia

Polícia prende dois por venda de ingressos falsos para a final do estadual de futebol

Bilhetes eram vendidos pela metade do preço

16 abril 2019 - 19h37Por Thiago de Souza

A Polícia Civil de Rio Brilhante investiga venda de ingressos falsos para a final do Campeonato Estadual, entre o Águia Negra e o Aquidauanense. A denúncia veio de uma comerciante que flagrou venda de bilhetes por um preço menor do que o oficial em Rio Brilhante.

Conforme o Rio Brilhante em Tempo Real, foram colocados à venda 3.200 ingressos em estabelecimentos autorizados pelo valor de R$20,00. Porém, a comerciante autorizada viu um homem vendendo  ingressos  a  R$ 10.

A empresária relatou o problema à diretoria do Águia Negra, que por sua vez acionou a polícia. Depois de uma investigação inicial, a Polícia Civil concluiu que havia uma associação criminosa, composta por Aníbal Ferreira Vargas Junior, Marcos Cesar da Silva Mattos e Marcos Vinicius da Silva Mattos, para confeccionar ingressos falsos, vendê-los como se verdadeiros e dividir os lucros.

De acordo com os delegados, Guilherme Sariam e Alexandre Neves,  Marcos Cesar da Silva Mattos era funcionário da gráfica que fazia as impressões dos ingressos e aproveitou-se para confeccionar um número superior aos 3200 autorizados. Com os ingressos falsos em mãos, seu filho Marcos Vinicius da Silva Mattos e Aníbal Ferreira Vargas Junior realizavam a venda para os interessados pela metade do valor autorizado pelo clube, utilizando-se de uma barbearia, cujo proprietário era Aníbal.

O boletim de ocorrência, diz o site, foi registrado como estelionato e associação criminosa. A polícia pediu a prisão preventiva de todos os suspeitos, que foram autorizadas pela Justiça.

Aníbal e Marcos Cesar foram interrogados, mas Aníbal negou ter ciência da falsidade dos ingressos. Marcos Cesar confessou, em detalhes, a prática dos delitos. Marcos Vinicius não foi localizado, tendo em vista que se mudou, há poucas semanas, para Joinville (SC), estando em endereço não sabido.

Algumas vítimas foram localizadas e com elas foram encontrados ingressos com numeração superior a 3200, vendidos por Aníbal, confirmando as informações colhidas preliminarmente.

 

 

 

Leia Também

Idoso sobrevive após despencar do 8º andar de prédio
Polícia
Idoso sobrevive após despencar do 8º andar de prédio
Caminhoneiro desaparecido é achado morto em carro capotado em Costa Rica
Interior
Caminhoneiro desaparecido é achado morto em carro capotado em Costa Rica
Na dureza da pandemia, roçador vai a qualquer lugar de Campo Grande e diz: 'quero trabalhar'
Cidade Morena
Na dureza da pandemia, roçador vai a qualquer lugar de Campo Grande e diz: 'quero trabalhar'
'Bonzão da Mercedes' é preso após atirar em Guarda Civil e dirigir bêbado
Polícia
'Bonzão da Mercedes' é preso após atirar em Guarda Civil e dirigir bêbado