TJMS ABRIL 2024
A+ A-

terça, 16 de abril de 2024

terça, 16 de abril de 2024

Entre em nosso grupo

2

Polícia

29/08/2018 17:45

A+ A-

Suspeito de estuprar adolescente no Nova Lima é transferido para Instituto Penal

Homem foi reconhecido pela vítima ao fazer compras com esposa um dia após crime

Continua preso o homem de 25 anos suspeito de estuprar jovem de 17 anos no dia 17 de agosto, no bairro Nova Lima, região norte de Campo Grande. Conforme a delegada responsável pelo caso, Franciele Candotti, da DPCA (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente), ele foi transferido para o Instituto Penal.

A autoridade afirma que são aguardados, ainda, resultados de laudos de sexologia forense, lesão corporal e dano material que indiquem ou não sua participação no crime. A conclusão dos exames deve demorar ao menos mais 30 dias, explica, já que o Imol (Instituto Médico e Odontológico Legal) e IC (Instituto de Criminalística) estariam com muitas análises pendentes.

O suspeito foi preso um dia após o estupro, quando foi reconhecido pela vítima enquanto fazia compras em um mercado, junto à esposa. Ouvido pela delegacia, ele nega as acusações e indícios de que teria cometido o ato.

 “As provas que o mantém preso são as palavras da vítima, câmeras que comprovam que ele de fato passou pelo local no horário citado por ela, além do fio de cabelo e papel de bala encontrados no veículo, que foram encaminhados à perícia”, diz Candotti.

O caso

A adolescente teria sido abordada ao sair de casa a caminho do ponto de ônibus que pega até o trabalho, por volta de 5h40 da manhã. O homem teria se aproximado em um Xsara Picasso prata, com aparência de antigo, a ameaçado com uma arma e a levado até área isolada ao lado da Cidade dos Meninos, onde teria cometido o crime.

Após relatar o ocorrido à família e à Polícia Militar, foi encaminhada ao posto de saúde do Nova Bahia, onde teve atendimento médico e tomou coquetel de medicamentos para prevenir doenças sexualmente transmissíveis e gravidez. Boletim de ocorrência foi registrado na DPCA e também foi feito exame de corpo de delito no Imol. Até então, havia pouca informação sobre o autor do crime.

No dia seguinte, o tio da adolescente se preocupou com seu estado emocional e a convenceu a sair de casa para se distrair em um shopping próximo ao bairro. No caminho, avistou um veículo com as mesmas características do utilizado no crime e alertou os policiais do batalhão local para segui-lo.

Parado em um mercado, o condutor foi encurralado pela polícia e a família da garota, que o reconheceu na hora. No dia, o suspeito foi detido e encaminhado à Deam (Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher), depois para a DPCA, onde esteve até ser transferido ao Instituto Penal.

Carregando Comentários...

Veja também

Ver Mais notícias