Menu
terça, 29 de setembro de 2020
Polícia

Travesti diz que R$ 50 'é pouco' e com navalha em mãos obriga cliente a assinar termo de dívida

E o programa sexual tão desejado não rolou, diz o cliente

25 maio 2019 - 08h54Por Thiago de Souza

A noite desta sexta-feira (24) não terminou bem para um jovem de 23 anos, que contratou os serviços sexuais de uma travesti, em Dourados. Ele foi à polícia dizer que foi obrigado a pagar R$ 50 e assinar um termo de dívida, além de ameaças.

Conforme o Dourados News, o cliente achou a travesti por meio de um anúncio. O encontro foi marcado na esquina das ruas Joaquim dos Santos Veríssimo Filho com a Sinésio de Matos. Assim que chegou ao local, a vítima diz já ter sido surpreendida pela travesti com uma navalha e que ela teria dito que o valor do programa mudaria. A profissional do sexo ainda teria dito a ele que os 'cinquentão' era pouco.  

O rapaz diz que a travesti não fez o programa e fez ele pagar os R$ 50. Ainda conforme a ocorrência, ele foi obrigado a assinar um documento no qual citava que ele ficaria com uma dívida de R$ 5 mil com ela, diante de ameaças do tipo: ''eu sei onde você mora'', ''anotei a placa do seu carro''.

 

 

 

Leia Também

PF prende suspeito de desvio de verba da saúde em condomínio de luxo de Três Lagoas
Polícia
PF prende suspeito de desvio de verba da saúde em condomínio de luxo de Três Lagoas
Quer ajudar? Rifa de S-10 é por crianças carentes e jovem com câncer em Campo Grande
Cidade Morena
Quer ajudar? Rifa de S-10 é por crianças carentes e jovem com câncer em Campo Grande
Transexual é encontrada morta no São Conrado
Polícia
Transexual é encontrada morta no São Conrado
Corpo de homem desaparecido é encontrado em estado de decomposição
Polícia
Corpo de homem desaparecido é encontrado em estado de decomposição