TCE 21 a 27/06/2021
Menu
sexta, 25 de junho de 2021
MEDIDAS RESTRITIVAS 19/06 a 27/06/2021
Política

Bolsonaro pede desculpas após 'zoa' refrigerante rosa e alega 'maldade' em críticas

“Agora, eu virei boiola igual maranhense, é isso? Olha o guaraná cor-de-rosa do Maranhão ai ó. Quem toma esse guaraná vira maranhense”

30 outubro 2020 - 09h16Por Nathalia Pelzl

O presidente Jair Bolsonaro pediu desculpas após ter feito uma piada preconceituosa ao tomar o Guaraná Jesus, refrigerante cor-de-rosa popular no Maranhão.

“Pessoal, fiz uma brincadeira. Se alguém se ofendeu, me desculpa aí, tá certo. O Guaraná Jesus, devido à cor dela, cor-de-rosa”, disse Bolsonaro, durante transmissão ao vivo nas redes sociais, enquanto bebia o produto.

Durante visita no Maranhão, o presidente tomou o refrigerante e questionou se teria virado "boiola", devido à cor da bebida.

“Agora, eu virei boiola igual maranhense, é isso? Olha o guaraná cor-de-rosa do Maranhão ai ó. Quem toma esse guaraná vira maranhense” disse.  “Guaraná cor-de-rosa do Maranhão, fudeu, fudeu. É boiolagem isso aqui”, complementou minutos depois.

Ao comentar o episódio, ele afirmou que o interlocutor levou a brincadeira "na esportiva" e disse ver "maldade" nas críticas que recebeu nas redes sociais.

“A brincadeira que eu fiz não foi televisão, não. Tava conversando com o cara "Pô, o guaraná é cor-de-rosa aqui". Falei uns troços lá, alguém pegou, divulgou, não sei o que, como se eu tivesse ofendendo aí quem quer que seja no Maranhão. Muito pelo contrário. Com quem eu tava brincando era um maranhense, que levou na esportiva. Agora, a maldade está aí”, disse em sua defesa.