GOV AGEMS
Menu
quarta, 08 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
ALMS - NOVEMBRO
Política

'Ele não é réu em nada', diz Bolsonaro sobre chance de Mandetta ser ministro da Saúde

No entanto, presidente eleito disse que não confia 100% no sul-mato-grossense

14 novembro 2018 - 16h08Por Thiago de Souza

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) foi questionado, em entrevista coletiva, na tarde desta quarta-feira (14), em Brasília, se o deputado federal Luiz Henrique Mandetta (DEM) seria o novo ministro da Saúde, mesmo sendo investigado pela Justiça Federal. Bolsonaro respondeu: ''Ele não é réu em nada''.

A entrevista ocorreu em frente ao Centro Cultural Banco do Brasil, local que abriga o gabinete de transição do governo Michel Temer para o governo Bolsonaro.

Ao ser questionado se o presidente confiaria em Mandetta, ele respondeu que ''Ninguém confia em ninguém 100%. Só confio 100% no meu pai e na minha mãe'', completou o presidente.

Bolsonaro se reuniu com Mandetta nessa terça-feira (13) e disse ter evoluído a conversação com o sul-mato-grossense, que é um dos cotados para ocupar a pasta da Saúde.

Conforme noticiado pelo GloboNews, por volta das 15 horas de hoje, Mandetta é tido como favorito para ocupar o ministério, mas a decisão não foi dada pelo presidente eleito.

Mandetta é investigado por  suspeita de fraude em um escândalo conhecido como ''Gisa''. O sistema foi criado para informatizar a gestão da saúde quando ele foi secretário em Campo Grande, mas não saiu do papel. A verba federal recebida não foi aplicada no projeto e seria destinada a financiar campanha política de Mandetta.