Menu
Busca sexta, 03 de julho de 2020
MS DIGITAL - COMPET
Política

Justiça Eleitoral determina retirada de propaganda do candidato Alex do PT

Candidato teria usado trucagem nos vídeos veiculados na televisão

13 setembro 2016 - 11h16Por Diana Christie

A Justiça Eleitoral determinou a retirada de trechos da propaganda eleitoral veiculada pelo candidato à prefeitura de Campo Grande, Marcos Alex (PT), por possível uso de trucagem, uma técnica para criar efeitos dramáticos ou divertidos no expectador alterando a realidade ou a linearidade dos eventos com o emprego de recursos cênicos.

A determinação da juíza Eucelia Moreira Cassal, da 8ª Zona Eleitoral, atende a solicitação da coligação Sempre Com a Gente (PSD / PEN / PHS / DEM / PT DO B / PMN / PTB / PPL), encabeçada por Marquinhos Trad (PSD). Se descumprida a sentença, a coligação Campo Grande É do Povo (PT / PC DO B) pode ser condenado ao pagamento de multa de R$ 5 mil e responder pelo crime de desobediência.

A decisão é liminar e cabe recurso. Considerando “o periculum in mora que decorre da veiculação da propaganda eleitoral nos moldes apresentados até a decisão final, com possibilidade de difusão de propaganda eleitoral vedada, defiro medida liminar para determinar que os representados se abstenham de veicular a propaganda eleitoral impugnada”, diz a sentença. 

Leia Também

Prefeitura da Capital paga servidores na segunda-feira
Economia
Prefeitura da Capital paga servidores na segunda-feira
Com 23 trabalhadores de bancos contaminados pela covid-19, três agências fecham na Capital
Cidade Morena
Com 23 trabalhadores de bancos contaminados pela covid-19, três agências fecham na Capital
Homem que matou Eloá com golpes no asfalto é condenado a 3 anos de internação
Polícia
Homem que matou Eloá com golpes no asfalto é condenado a 3 anos de internação
Pré-candidatos a prefeito de Bela Vista venderam vacina do SUS contra a influenza
Interior
Pré-candidatos a prefeito de Bela Vista venderam vacina do SUS contra a influenza