TJ BANNER JUNHO 2022
TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
sábado, 25 de junho de 2022 Campo Grande/MS
GOV ENERGIA ZERO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
Política

Rose deixa 3ª Secretaria da Câmara após Lira marcar eleições para Mesa Diretora

Disputa foi por causa da saída de Marcelo Ramos do PL

23 maio 2022 - 19h16Por Thiago de Souza

A deputada federal e pré-candidata ao Governo de MS, Rose Modesto, do União Brasil, deixou a 3ª Secretaria da Câmara dos Deputados. O motivo é que o presidente da Casa, Arthur Lira, anunciou nova eleição para a Mesa Diretora. 

Segundo o UOL, o motivo das eleições suplementares, é a saída do vice-presidente da Câmara, deputado Marcelo Ramos. O ministro do Tribunal Superior Eleitoral, Alexandre de Moraes, reconsiderou uma decisão de abril deste ano, que mantinha Ramos no cargo, e destacou que a eleição da Mesa é um assunto interno da Câmara. 
 
Com a saída de Ramos, foi publicado no fim da tarde um ato que retira Ramos e duas deputadas, Marília Arraes (Solidariedade-PE) e Rose Modesto. Elas ocupam a segunda e terceira secretarias, respectivamente. Os três trocaram de partido desde que foram eleitos para a Mesa. Ramos deixou o PL para se filiar ao PSD, enquanto Arraes saiu do PT e Modesto, do PSDB.

Ramos 

Marcelo Ramos era do PL do Amazonas e ficou constrangido com a filiação de Bolsonaro no partido. Ele era um crítico ferrenho do presidente da República. Além disso, entrou na Justiça para derrubar decreto de Bolsonaro que reduziu Imposto sobre Produtos Industrializados em todo o País. 

Ramos, que é amazonense, alegou que a redução do tributo iria afetar drasticamente a Zona Franca de Manaus, que foi criada para ter privilégio tributário e assim desenvolver a região amazônica. 
 
Apesar de ter entrado na Justiça Eleitoral, o PL deixou Ramos sair do partido sem perder o mandato.