TCE Novembro
TJMS DEZEMBRO
Menu
sábado, 04 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
ALMS - NOVEMBRO
Política

União Brasil já começa rompido em MS: ex-DEM quer Soraya fora do comando

A ‘ala’ Democratas da nova sigla discorda da senadora do PSL como presidente regional

24 outubro 2021 - 13h30Por Vinícius Squinelo

Recém-criado, o União Brasil já nasce rompido em Mato Grosso do Sul. O partido, que funde Democratas e PSL, tem disputa pelo comando regional, inicialmente da senadora Soraya Thronicke. Em encontro neste fim de semana, a ‘ala’ democrata discorda da senadora do PSL como presidente regional no Estado.

As principais lideranças do ainda DEM de MS se reuniram na tarde deste sábado (23), em Campo Grande e decidiram que o partido se mantém ‘unido e coeso’ em torno das decisões a serem tomadas em relação à criação da nova legenda, o ‘União Brasil’, a partir da fusão com o PSL, já aprovada em encontro nacional dos dois grupos partidários.

Porém, a ala tem um entrave claro por aqui: na convenção nacional dos dois partidos, onde Luciano Bivar, atual presidente nacional do PSL é apontado como favorito para presidir a nova legenda, a senadora Soraya Thronicke, também do PSL, deseja o comando do ‘União’ no Estado. O atual presidente nacional do DEM, Antônio Carlos Magalhães Neto, é cogitado para ser o secretário geral da nova legenda.

“Nós queremos ser protagonistas, dialogamos naturalmente com os amigos do PSL, mas o DEM quer ter o comando em Mato Grosso do Sul” - deputado estadual Barbosinha, via assessoria de imprensa.

Hoje o partido detém um dos principais nomes do cenário nacional, a deputada federal licenciada Tereza Cristina, ocupando o Ministério da Agricultura e Pecuária, assim como já teve o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. Conta ainda com o vice-governador Murilo Zauith, com dois deputados estaduais (além de Barbosinha, o outro douradense Zé Teixeira), 14 prefeitos e 120 vereadores.

No encontro estavam a ministra e deputada federal licenciada, Tereza Cristina, os deputados estaduais Barbosinha e Zé Teixeira, prefeitos, vereadores e lideranças do partido em Mato Grosso do Sul.