TJMS JANEIRO
Menu
sábado, 22 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Top Esporte

Com Vagner Love, Corinthians quer manter vantagem

Love

17 outubro 2015 - 12h57Por Redação

Sem marcar há cinco jogos, Vagner Love tenta neste domingo (18), às 16h, contra o Atlético-PR, encerrar seu jejum de gols pelo Corinthians. O atacante não balança as redes desde a partida contra o Joinville, há mais de um mês.

Líder do Brasileiro, com 64 pontos, e dono da melhor defesa do campeonato, o time comandado por Tite corre atrás de ser o mais eficiente também no setor ofensivo.

Ao lado do vice-líder Atlético-MG, ostenta 53 gols marcados. Ambos se enfrentarão em 1º de novembro, no estádio Independência.

Na última quinta (15), na vitória sobre o Goiás por 3 a 0, Love perdeu de novo oportunidades claras diante do gol. Apesar de não ter marcado o seu, deu boa assistência para Malcom e ainda ganhou elogios do técnico alvinegro.

"Se jogar o que está jogando, vai voltar a marcar, sem dúvida. Se ele continuar produzindo dessa maneira vai fazer gols, é inevitável... Ele recebe, faz pivô, é móvel...", afirmou o técnico Tite depois da partida no Itaquerão.

O comandante da equipe alvinegra chegou a pedir aplausos para a torcida no momento que tirou o atacante de campo, tentando dar força ao jogador.

"Só quero pedir uma coisa para o torcedor que fica ali atrás, perto do campo. Estamos todos com grandes expectativas, se ele ficar reclamando de um jogador específico, não vai ajudar a equipe. Dessa vez, foi um cara e peço que ele entenda", clamou técnico corintiano.

"Peço que ajudem. A torcida do Corinthians é conhecida por apoiar, principalmente quando a fase não está boa. Então tenho certeza de que os mais próximos vão educar esses torcedores", complementou o treinador.

O artilheiro do clube do Parque São Jorge no campeonato é Jadson, com 12 gols marcados. Vagner Love marcou oito vezes nesta edição.

Faltando oito rodadas para o fim do Brasileiro, o Corinthians tenta manter a sua vantagem em relação ao Atlético-MG na ponta da tabela de classificação, atualmente em cinco pontos.