TCE MAIO
(67) 99826-0686

Neymar não treina no Barça, mas exames descartam lesão na coxa

Brasileiro tem dores por sobrecarga e faz fisioterapia. Suspenso na Champions e no Espanhol, não enfrenta o B. Mönchengladbach nesta terça nem o Osasuna no sábado

5 DEZ 2016
Globo Esporte
13h10min
Foto: Miguel Ruiz / Barcelona

As dores na coxa direita deixaram Neymar fora do treino do Barcelona na manhã desta segunda-feira, mas exames descartaram uma lesão no local. O atacante sentiu o problema durante o clássico com o Real Madrid (1x1) no último sábado, tanto é foi substituído no fim, e desde então tem feito tratamento no local. Segundo o clube catalão, Neymar tem dores por sobrecarga na coxa e está fazendo fisioterapia para retornar aos treinamentos em breve.

De qualquer forma, Neymar já não enfrentaria o Borussia Mönchengladbach na terça, pela última rodada da fase de grupos, por estar suspenso pelo acúmulo de cartões amarelos na Liga dos Campeões, assim como Rakitic. Ele ainda ficará fora do confronto com o Osasuna, fora de casa, no sábado que vem, por também estar suspenso no Campeonato Espanhol. Pela programação do clube, há um amistoso na terça seguinte, dia 13, com o Al Ahli, em Doha. Se não entrar em campo, só volta no dérbi catalão, diante do Espanyol, dia 18.

- Neymar levou uma pancada no último jogo. Se não estivesse suspenso, estaria à disposição amanhã. Como está suspenso, poderá se recuperar com mais tranquilidade - disse o técnico Luis Enrique durante coletiva de imprensa nesta segunda.

O Barça, por sinal, já está classificado em primeiro lugar do Grupo C da Champions, enquanto a equipe alemã não tem mais chance de avançar, o que deixa a partida com um caráter quase amistoso. Por isso, é bem possível que o técnico Luis Enrique poupe alguns outros titulares.

Messi pode ser um dos poupados. Ao mesmo tempo, se for escalado ele terá a chance de bater o recorde de gols em fase de grupos da Champions. O craque argentino tem 9 gols (disputou 4 partidas), e o recordista é Cristiano Ronaldo com 11 (em 6 jogos).

Outra ausência no treino desta segunda foi o zagueiro Piqué, com incômodo no tornozelo. De resto, todos os jogadores trabalharam normalmente. Carles Aleñá e Marc Cardona, do Barça B, completaram a atividade e podem estar entre os 18 relacionados para o duelo.

 

Veja também