Menu
domingo, 22 de maio de 2022 Campo Grande/MS
GOV EMPREGO MAIO
Campo Grande

Autor do Dia do Cerimonialista comenta impactos da pandemia no setor de eventos

Metade das empresas fecharam suas atividades no segmento que gerava 8 milhões de postos de trabalho

29 outubro 2021 - 11h41Por Rayani Santa Cruz

O setor de eventos passou por um momento muito difícil durante a pandemia devido aos adiamentos ou cancelamentos de contratos em todo País. No Brasil, mais da metade das empresas fecharam suas atividades no segmento que gerava 8 milhões de postos de trabalho e movimentava 250 bilhões em eventos corporativos e perto de 17 bilhões em eventos sociais. Outras que ainda resistiram, mudaram seus modelos de negócios para se adaptarem aos novos tempos.

Na avaliação do deputado estadual Rinaldo Modesto (PSDB), os profissionais do segmento de eventos estão entre os que realmente foram mais afetados pela crise da Covid19. Autor da Lei 3.543/2008, que instituiu o dia 29 de outubro como o Dia do Cerimonialista em nosso Estado, Rinaldo destaca a importância dos profissionais da área.

"Há séculos as cerimônias são preparadas por uma pessoa muito especial. Seja nas cerimônias religiosas dos faraós do antigo Egito ou nas nações onde a monarquia era modelo de governo, sempre existiu alguém de muita confiança e experiência que conduzisse os eventos atendendo o nível de exigência destas autoridades. Na sociedade atual, o que muda é que, tanto em eventos corporativos como sociais, os contratantes confiam a excelência de um momento muito especial ao cerimonialista, profissional que sofreu muito com o cancelamento de eventos a fim de combatermos o Coronavírus".

O parlamentar ressalta que a situação do Mato Grosso do Sul no combate a pandemia trouxe uma condição de ânimo em diversos setores, principalmente para o setor de eventos. Ele afirma que nosso Estado alcançou excelentes resultados no cenário nacional no combate a pandemia, isso trouxe novos ares e uma injeção de ânimo. "Muitos empresários da área de eventos usaram a criatividade e encontraram saídas para seus negócios, e agora, projetam uma retomada com mais experiência e otimismo, pois as pessoas também desejam celebrar o novo e esquecer o momento tão difícil que passamos".

Rinaldo lembra ainda que existem cursos disponíveis para os profissionais que desejam aumentar seu conhecimento, como o e-book "Como montar uma empresa de organização de eventos", que traz um passo a passo sobre o assunto e está disponível no site do Sebrae.