Menu
segunda, 01 de março de 2021
Geral

Bolsonaro diz que é preciso coragem para encerrar auxílio emergencial

Fala ocorreu durante visita à obra da Ponte da Integração Brasil-Paraguai na fronteira

01 dezembro 2020 - 15h39Por Thiago de Souza

O presidente Jair Bolsonaro disse, nesta terça-feira (1º), que é preciso ter coragem para encerrar os pagamentos do auxílio emergencial. Ele destacou que é preciso que a população precisa voltar a trabalhar e perpetuar o benefício é caminho para o insucesso. 

A fala do presidente ocorreu durante visita às obras da Ponte da Integração Brasil-Paraguai e ao lado do presidente do Paraguai, Mário Abdo Benitez. 

Ao se referir às obras, que ficam entre os municípios de Foz do Iguaçu, do lado brasileiro e Presidente Franco, no país vizinhos, Bolsonaro refletiu sobre a ajuda governamental. 

“Vejo ali humildes funcionários, trabalhadores que estão demonstrando felicidade em trabalhar. Nada mais dignifica o homem do que o trabalho. É o que nós precisamos. Temos internamente nossos problemas. Ajudamos o povo do Brasil com alguns projetos por ocasião da pandemia. Você fez o mesmo aqui no Paraguai, aqui do lado”, apontou Bolsonaro.

O presidente brasileiro complementou: 

“Alguns querem perpetuar tais benefícios. Ninguém vive dessa forma. É o caminho certo para o insucesso. E temos que ter a coragem de tomar decisões”, disse Bolsonaro, se dirigindo ao presidente paraguaio, conhecido como Marito.