TCE Novembro
TJMS DEZEMBRO
Menu
quinta, 02 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
ALMS - NOVEMBRO
Geral

Latam suspende transporte de animais após cachorro morrer asfixiado

Cachorro de quatro anos ficou sete horas enclausurado

21 outubro 2021 - 15h49Por Thiago de Souza

Cachorro da raça american bully morreu dentro de uma aeronave da empresa aérea Latan. O cão passou sete horas enclausurado e, desde sexta-feira (15), a Latam decidiu suspender o transporte de animais em voos. 

Segundo o jornal O Globo, o cão chamado Weiser foi levado ao aeroporto com bastante antecedência, no dia 14 de outubro, conforme a Latam solicitou. Ele ficou preso do momento da chegada ao terminal, no Aeroporto de Guarulhos e o voo, que teve como destino Aracaju (SE). 

Ainda segundo o site, cerca de um mês antes, outro animal morreu em circunstâncias parecidas. Com medo de maus-tratos, muitos proprietários de animais têm medo de deixar os bichos sozinhos nos compartimentos. 

Outros donos de pets têm recorrido a laudos médicos para atestar a necessidade do animal viajar junto dos donos, na cabine do avião. Os proprietários de animais fazem pressão para que esse tipo de serviço seja regulamentado.  

Apesar da suspensão de novos transportes de animais, quem já contratou o serviço pode viajar normalmente. 

Resposta

Segundo a Latam, em laudo emitido pela clínica veterinária que atendeu o cão, "foi observado que ele roeu a caixa de transporte de madeira em que estava e se asfixiou". A Latam diz que o compartimento estava em concordância com o processo de transporte de animais de grande porte da empresa.