TJMS AGOSTO
Menu
Busca terça, 04 de agosto de 2020
Linha de frente - compet
Polícia

Advogado embriagado ameaça policial após causar morte em acidente

O advogado se recusou a fazer teste do bafômetro e, por estar agressivo, precisou ser algemado

29 março 2019 - 07h30Por Da redação/JP News

O advogado Frank Cunha de Oliveira, 32 anos, que atualmente trabalha como gerente de uma agência bancária no município de Três Lagoas, ameaçou um policial rodoviário federal ao receber voz de prisão por dirigir embriagado e causar um acidente que tirou a vida do produtor rural Davi Souza Calasso, 47 anos, na quarta-feira (27), na BR-158, próximo ao distrito da Vila Raimundo, município de Paranaíba.

Em visível estado de embriaguez, segundo o registro policial, o advogado além tentar intimidar os policiais, teve de ser contido devido ao estado agressivo em que se encontrava. “Você vai me pagar caro quando seu sair daqui”, disse ao policial que lhe deu voz de prisão. Preso em flagrante, o cassilandense foi conduzido ao 13° Batalhão de Polícia Militar, onde permanece à disposição da Justiça.

Davi transitava sentido Cassilandia/Paranaíba acompanhado da esposa, Luciana Alves Gonçalves, 40 anos, quando a caminhonete conduzida por Frank Cunha invadiu a pista contrária, batendo no veículo. Davi morreu no local e sua esposa foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros, sendo levada ao pronto socorro da Santa Casa de Paranaíba. Ela não corre risco de morte. A caminhonete parou cerca de 200 metros do local em que atingiu o veículo que Davi dirigia.

O casal havia acabado de deixar a filha na escola. Frank Cunha de Oliveira vai responder pelos crimes de homicídio culposo na direção de veículo automotor, lesão corporal culposa e embriaguez ao volante.

Acidente

Davi Souza Calasso, 47 anos, morreu na manhã desta quarta-feira (27), vítima de acidente, que ocorreu próximo ao quilômetro 63, na BR-158 em Paranaíba. Ele seguia em um veículo, que transitava sentido Paranaíba quando colidiu frontalmente com uma caminhonete, com placas de Três Lagoas. O condutor da caminhonete estava embriagado.

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal, o condutor da caminhonete, Frank Cunha Oliveira, 32 anos, que seguia sentido Paranaíba à Cassilândia, teria invadido a pista contrária e se chocado com o veículo Uno, e devido à força do impacto o homem acabou falecendo. A esposa que o acompanhava sofreu apenas ferimentos e já foi liberada.

Após se recusar em realizar o teste do bafômetro e ser constatado o visível estado de embriaguez do condutor, o homem acabou recebendo voz de prisão. Na caminhonete também foram encontradas garrafas de bebidas cheias e também vazias.

Leia Também

BURACO ERRADO: homem descobre traição em festinha de casais, quebra motel e agride PM em Dourados
Interior
BURACO ERRADO: homem descobre traição em festinha de casais, quebra motel e agride PM em Dourados
Gordinha tieta goleiro Bruno e leitor faz piada: 'precisa de dez cachorros para devorá-la'
Geral
Gordinha tieta goleiro Bruno e leitor faz piada: 'precisa de dez cachorros para devorá-la'
CRIME E CASTIGO: depois de assassinar esposa a facadas, homem bate o carro e morre ao fugir
Geral
CRIME E CASTIGO: depois de assassinar esposa a facadas, homem bate o carro e morre ao fugir
Depois de seis dias 'na lona', Delcídio tem alta da 'covidengue' em Campo Grande
Cidade Morena
Depois de seis dias 'na lona', Delcídio tem alta da 'covidengue' em Campo Grande