Menu
quinta, 24 de setembro de 2020
Polícia

Mulher chama ex para transar e o esfaqueia

Vítima foi internada em estado grave

03 maio 2019 - 08h56Por Da redação/Meia Hora

Uma mulher de 38 anos foi presa após tentar matar o ex-companheiro, de 28, a facadas, nesta quarta-feira, em um matagal às margens da LMG-806 em Ribeirão Neves, Minas Gerais. O homem foi internado em estado grave.  De acordo com a Polícia Militar, a suspeita atraiu a vítima com o pretexto de que pretendia fazer sexo com ele.

No local, ela tentou dopar o ex-companheiro e o amarrou com fitas adesivas em uma árvore. Ele foi esfaqueado com três golpes, mas conseguiu se soltar e correu em direção à rodovia. Um vigilante, que passava pela via, ouviu os gritos de pedidos por socorro e acionou a PM. Os policiais encontraram o homem sem roupas e ensanguentado já próximo da estrada. A mulher foi encontrada, em um local de difícil acesso, apenas com roupas íntimas e, aparentemente, tranquila. 

A vítima foi socorrida para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Justinópolis. Aos agentes, a autora contou que cometeu o crime porque o ex ameaçava sua família. Segundo a PM, a mulher contou que perdeu a faca durante as agressões no matagal e por isso o crime não foi consumado. Ela foi encaminhada para para a delegacia da região. 

Leia Também

Baleado na mão e no tórax, vítima do falso frete segue estável em UPA
Cidade Morena
Baleado na mão e no tórax, vítima do falso frete segue estável em UPA
Usuário de drogas é morto com tiro no pescoço no Itamaracá
Polícia
Usuário de drogas é morto com tiro no pescoço no Itamaracá
Grávida é presa por levar maconha dentro de cebola para detento em Corumbá
Interior
Grávida é presa por levar maconha dentro de cebola para detento em Corumbá
Especialista eleitoral diz que Papy não cometeu crime em reunião com comes e bebes
Política
Especialista eleitoral diz que Papy não cometeu crime em reunião com comes e bebes