Solurbe - corrida do meio ambiente 18/04 a 08/05
(67) 99826-0686
ENTREGAS

VÍDEO: polícia identificada ladrões de carros a até ‘gerente’ da quadrilha vai em cana

Dois bandidos morreram em confronto com os policiais na madrugada de hoje

18 JAN 2019
Anna Gomes
10h49min
Foto: Divulgação

A polícia já conseguiu identificar os integrantes da quadrilha especializada em roubos de carro desmatelada na madrugada desta sexta-feira (18). Dois homens morreram em confronto com a polícia e outros três envolvidos também já estão atrás das grades.

Segundo o Capitão Rocha, do Batalhão de Choque, os policiais se deslocaram para irem até uma lanchonete, na Avenida Costa e Silva, onde estaria acontecendo um assalto. O estabelecimento foi invadido por dois bandidos, enquanto um criminoso dava cobertura ao lado de fora em um Fiat Strada.

Ainda na lanchonete, a dupla armada rendeu um funcionário e uma médica que estava esperando o lanche ficar pronto. As vítimas ficaram reféns dos criminosos, mas o funcionário conseguiu ligar para a polícia.

Enquanto um bandido, que ainda não foi identificado, cuidava das vítimas, o outro criminoso de 16 anos fugiu levando o carro da médica, um HB20. Os policiais chegaram ao local e o assaltante atirou contra a guarnição, que revidou e matou o ladrão. Luiz Enrique dos Santos Souza, 27 anos, que estava dando apoio no Fiat Strada, foi preso e informou o ‘esconderijo’ de outro veículos.

Os militares foram até o Jardim Ilhéus, localizado na região do Alves Pereira. Em uma residência, os policiais encontraram dois veículos, sendo um Honda Corolla e uma Toyota Hilux, ambos tinham sido roubados no dia anterior. Na casa também estava o HB20 da médica que havia sido levado no assalto da lanchonete.

No imóvel, Jucilene Coelho Oliveira, 23 anos, foi preso e o adolescente foi apreendido. Ainda conforme o Capitão Rocha, a mulher era responsável em gerenciar a quadrilha.

Em seguida, os militares ainda foram em um terceiro endereço, localizado no Bairro Vilas Boas. O bandido, identificado como Geraldo Figueira Mendonça, de 30 anos, resistiu à prisão, tentou fugir e ainda atirou contra os policiais, que revidaram que realizaram disparos contra o criminoso. Ele chegou a ser socorrido, mas acabou morrendo.

Ao todo, os policiais do Batalhão de Choque conseguiram recuperar quatro veículos que seriam vendidos no país vizinho, o Paraguai. A polícia também não descarta dos assaltantes serem integrantes de alguma facção criminosa. Todos possuem uma extensa ficha criminal.

Veja o vídeo: 

Veja também