Menu
domingo, 07 de março de 2021
Polícia

Prefeito lamenta rixa entre guardas municipais e policiais militares

As intrigas entre as duas forças de segurança ficaram mais aparentes neste fim de semana

04 fevereiro 2019 - 11h00Por Diana Christie e Anna Gomes

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) lamentou a rixa entre os guardas municipais, hoje chamados de policiais municipais, com integrantes da PM (Polícia Militar).

"Lamento que eles se importam com nomenclatura. Tinham que ser unidas, independente de qual polícia seja", declarou nesta segunda-feira (4), durante sessão solene na Câmara Municipal de Campo Grande.

As intrigas entre as duas forças de segurança ficaram mais aparentes neste fim de semana, quando um policial militar foi retirado à força de um posto de saúde pela antiga guarda municipal, suspeito de agredir verbalmente funcionários da unidade.

A ação dos guardas, que realizam a segurança no local, foi duramente criticada por membros da corporação estadual e teve grande repercussão nas redes sociais.

Para piorar a situação de tensão, dois guardas municipais que atuam no bairro Estrela do Sul estão sendo acusados de prevaricação, crime quando um funcionário público não cumpre seu dever.

Eles são suspeitos de abordar um adolescente infrator que roubou a bicicleta do filho de um coronel da PM, agredir o menor, recolher o veículo e liberar o ladrão. No caso, o certo seria apresenta-lo à delegacia e devolver o objeto produto de furto.

Leia mais aqui.