Menu
segunda, 14 de junho de 2021
Política

Dedicado e competente: governador de MS lamenta morte de Bruno Covas

Ainda segundo Azambuja, o Brasil perdeu uma liderança política em ascensão

16 maio 2021 - 11h10Por Vinicius Costa

Reinaldo Azambuja, governador do Mato Grosso do Sul, lamentou a morte do prefeito de São Paulo, Bruno Covas, na manhã deste domingo (16). O político faleceu em decorrência da luta contra um câncer que atingiu o sistema digestivo, com metástase nos ossos e no fígado.

Na visão do governante sul-mato-grossense, Covas foi dedicado e competente em tudo o que fez durante sua vida política e disse que a ausência de Covas será sentida para mudar a visão do país.

"Bruno Covas construiu uma história em 41 anos  de vida. Pai de família, advogado, economista, secretário do Meio Ambiente de São Paulo, deputado estadual e federal, líder da juventude do PSDB, prefeito eleito e reeleito da maior cidade do país, em tudo foi íntegro, conciliador, dedicado, competente", disse Reinaldo.

Ainda segundo Azambuja, o Brasil perdeu uma liderança política em ascensão.

Bruno Covas tratava da doença que atingiu o sistema digestivo, com metástase nos ossos e no fígado desde o dia 2 de maio no Hospital Sírio-Libanês. Mas o câncer surgiu em 2019.

Na última sexta-feira (14), o boletim médico divulgado pelo hospital indicava que o quadro de Covas era irreversível após uma piora no quadro de saúde em virtude do tratamento.