Menu
domingo, 27 de setembro de 2020
Política

Projeto insere aulas de Educação Financeira na disciplina de Matemática nas escolas de MS

Objetivo é evitar o endividamento da população, com foco em estudantes que estão ou vão começar o 1º emprego

13 abril 2019 - 15h15Por Dany Nascimento

Projeto de lei que solicita a inclusão do tema Educação Financeira no currículo escolar foi aprovado por unanimidade pela CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) e agora será analisado pelos deputados estaduais.

Autor do projeto, o deputado estadual Marçal Filho (PSDB) afirma que a ideia não é criar uma nova disciplina, mas sim inserir o tema na matéria de matemática para ajudar jovens do Ensino Médio a aprender a gerenciar ganhos.

“Temos mais de 40% da população inadimplente. Muitas pessoas não sabem lidar com dinheiro, acabam gastando mais do que ganham, acabam usando cartão de crédito e se endividando. Precisamos que, desde cedo, os jovens aprendam, através da educação financeira, a gerenciar o que ganham”.

De acordo com o parlamentar, muitos estudantes encaram o primeiro emprego e necessitam de aprendizado para não se ‘enfiar’ em dívidas.

“Eles já têm que ter essa noção desde a primeira conta bancária, desde o primeiro emprego, para saber gerenciar. Muitos economistas afirmam que é preciso ter controle de gastos, não gastar além do que ganham. Temos muitos pais de família com nome restrito justamente por não saber gerenciar o salário”, exemplifica.

Conforme o projeto, as escolas estaduais devem contemplar os princípios de planejamento, gerenciamento, avaliação e controle da economia pessoal e familiar, oportunizando a obtenção de informação, formação e orientação para o desenvolvimento de competências financeiros do cidadão.

Caso seja aprovada pelos deputados, a proposta será encaminhada para o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), que já teria sinalizado a favor da proposta. “Eu conversei com o líder do governo e ele disse que o governador gostou da proposta, achou interessante e eu acredito que, em breve, estará disponível para ser colocada em prática”.

Leia Também

Brasil registra mais 335 mortes ligadas à covid-19
CORONAVÍRUS
Brasil registra mais 335 mortes ligadas à covid-19
Setembro Amarelo: MS conta com ações de divulgação do CVV e apoio para famílias em luto
Saúde
Setembro Amarelo: MS conta com ações de divulgação do CVV e apoio para famílias em luto
Criança cai no rio e desaparece na Barra do São Lourenço em Corumbá
Interior
Criança cai no rio e desaparece na Barra do São Lourenço em Corumbá
No "novo normal", tradição de Cosme e Damião se mantém em Corumbá
Interior
No "novo normal", tradição de Cosme e Damião se mantém em Corumbá