TCE MAIO
ASSEMBLEIA MAIO DE 2022 2
Menu
quinta, 19 de maio de 2022 Campo Grande/MS
ASSEMBLEIA MAIO DE 2022
Política

Deputado usa pesquisa de 2021 e diz que 'MS é bolsonarista'; você concorda?

Deputado federal Luiz Ovando postou nas redes sociais que a maioria da população em Mato Grosso do Sul vai votar em Bolsonaro

18 janeiro 2022 - 11h50Por Rayani Santa Cruz

O deputado federal Luiz Ovando (PSL) usou as redes sociais e uma pesquisa realizada em dezembro de 2021 para indicar que "Mato Grosso do Sul é bolsonarista". Ele crê que a maioria dos sul-mato-grossenses vão votar para reeleger Jair Bolsonaro.

"Fico satisfeito e entusiasmado em saber que nosso estado do Mato Grosso do Sul é Bolsonarista. Bolsonaro é o favorito nas eleições presidenciais de 2022, não há dúvida", disse o deputado.

O parlamentar afirmou que "existem pesquisas encomendadas, e aquelas que dizem a verdade" para destacar uma possível vitória de Bolsonaro contra Lula.

"Apesar de algumas pesquisas “encomendadas” estarem cheias de distorções e falhas na metodologia da coleta dos dados ou na divulgação-publicação dos resultados “pesquisados”, não podemos deixar de espalhar aos quatro cantos aquelas que mostram a verdade."

A pesquisa em que o deputado se baseou para a publicação foi divulgada pelo Instituto Ranking Brasil, em 21 de dezembro de 2021, por isso não necessitou de registro.

A pesquisa foi realizada em cenário espontâneo onde o atual presidente tem quase 7 pontos a frente: 26,20% contra 19,35% do petista.

Também foram realizados três cenários estimulados. No cenário 1 e 2, Bolsonaro aparece com 9,15% a frente e 13,10%, respectivamente.

Ovando usou o cenário estimulado 3 para dizer que "no caso de uma polarização, o atual mandatário, Bolsonaro, derrotaria o ex-presidente Lula com 13 pontos de vantagem: 47% a 34%."

A pesquisa foi realizada mais de duas mil entrevistas entre os dias 10 a 14 no mês de dezembro de 2021 em 35 municípios de Mato Grosso do Sul. O intervalo de confiança é de 95% e a margem de erro máxima 2% pontos percentuais, para mais ou para menos.