TCE 27/10 a 29/10
Menu
quinta, 28 de outubro de 2021 Campo Grande/MS
Política

Líderes do Centrão avaliam que Bolsonaro pode não disputar reeleição em 2022

Presidente já disse ter medo de ser preso ao deixar o mandato

22 setembro 2021 - 15h51Por Thiago de Souza

Líderes partidários do bloco ‘’Centrão’’ já discutem a possibilidade do presidente Jair Bolsonaro não disputar as eleições do ano que vem. Ele estaria negociando apoio nos processos para evitar uma prisão assim que deixar o mandato. 

Conforme a jornalista Mônica Bergamo, da Folha de São Paulo, no raciocínio do presidente e dos políticos que o apoiam, em vez de insistir em contestar as eleições, em caso de dificuldade de vitória, Bolsonaro escolheria um sucessor. 

Em troca, os políticos do Centrão iriam garantir apoio ao presidente, nos diversos processos na Justiça, que serão julgados caso ele deixe o mandato. 

Ainda segundo a jornalista, o próprio presidente já disse que existe a possibilidade dele ser preso, caso deixe a Presidência da República. 

A preocupação em evitar o pior na Justiça seria central no raciocínio de Bolsonaro, consideram os líderes do centrão que convivem com o presidente e apoiam seu governo.