Menu
domingo, 29 de novembro de 2020
Política

Reinaldo afirma que cortes de recursos feito por Bolsonaro podem prejudicar estados e municípios

Governador afirmou que governo federal está em sinal de alerta e país pode apresentar taxa de crescimento negativo

21 maio 2019 - 10h44Por Rodson Lima

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) disse, nesta terça-feira (21), que o clima é de preocupação em Brasília (DF). O problema é que o país voltou a dar sinais de baixo crescimento. Além disso, os cortes que poderão ser anunciados amanhã (22) pelo presidente Jair Bolsonaro podem piorar a situação econômica dos estados e municípios.

"Há queda de receita, não tem atividade econômica, aumento o desemprego e a atividade industrial dimunuiu. No início do ano, a projeção de crescimento era de 2 a 3%. O último apontou crescimento baixo de 1,5%. Se continuar assim, pode chegar a crescimento negativo. Isto é um sinal de alerta", afirmou.

Reinaldo ainda lembrou que o anúncio de contingeciamento que pode ser feito pelo presidente Jair Bolsonaro e prejudica ainda mais a economia. "Contingeciamento significa tirar recursos que poderiam ser destinados para estados e municípios".

Para ele, a solução é o governo federal junto com os estados e municípios tomarem 'decisões juntas e compartilhadas'.

Leia Também

No Nova Lima, homem é brutalmente espancado e morto por briga de vizinhos
Polícia
No Nova Lima, homem é brutalmente espancado e morto por briga de vizinhos
Com PSD fortalecido, Marquinhos poderá contar com apoio amplo de vereadores em 2021
Política
Com PSD fortalecido, Marquinhos poderá contar com apoio amplo de vereadores em 2021
Trio tenta invadir casa de empresário, que reage e mata dois em Campo Grande
Polícia
Trio tenta invadir casa de empresário, que reage e mata dois em Campo Grande
Motoboy do tráfico é preso com ecstasy e LSD no Monte Castelo
Polícia
Motoboy do tráfico é preso com ecstasy e LSD no Monte Castelo