TCE SETEMBRO
Menu
terça, 28 de setembro de 2021 Campo Grande/MS
Política

Simone desiste mais uma vez de disputar a presidência do Senado

Decisão é uma tentativa de barrar a candidatura de Renan Calheiros à presidência do Senado Federal

02 fevereiro 2019 - 14h15Por Luis Abraham

A senadora Simone Tebet (PMDB) abre mão de mais uma disputa pelo comando do Senado Federal, o recuo seria uma tentativa evitar a quinta vitória de Renan Calheiros (MDB-AL) na prêsidencia da Casa.

A estratégia reduz o número de candidaturas de oposição contra Renan, o favorito, e concentrar os votos contrários num nome que seja capaz de derrotá-lo.

Com isso, restam seis candidatos: além do próprio Renan, também concorrem Davi Alcolumbre (DEM-AP), Fernando Collor (PROS-AL), José Reguffe (sem partido-DF), Angelo Coronel (PSD-BA),  Esperidião Amin (PP-SC), já que Alvaro Dias (Podemos-PR) e Major Olímpio (PSL-SP) também desistiram.

Assim Davi Alcolumbre se torna a principal opção para bater Renan, tendo apoio de Simone e correligionários. O candidato prega a independência dos poderes e maior transparência no Senado.