TJMS
(67) 99826-0686

SAGA DO OVO: após denúncia, HR melhora alimentação, mas ovo volta a ser prato principal

Pacientes e acompanhantes denunciam descaso com alimentação preparada no hospital

13 MAR 2019
Rodson Willyams
17h00min
Foto: Reprodução / RepórterTop

Irritados com a alimentação do Hospital Regional Rosa Maria Aparecida Pedrossian, em Campo Grande, pacientes e acompanhantes denunciam que o ovo voltou a ser o prato principal do cardápio da unidade hospitalar.

Um leitor do TopMídiaNews, que acompanha um familiar há 15 dias, relatou que, após denúncias, a alimentação até melhorou, mas foi só o tema cair no esquecimento do noticiário que o ovo voltou a ser o prato principal do hospital.

"Após denúncias tinham parado de servir o ovo, pois tinha carne vermelha ou frango. No entanto, ontem (12), retornou a saga do ovo, mexido ou cozido", relata o acompanhante.  Ele emenda que "a maioria dos pacientes e acompanhantes jogaram as marmitas no lixo ou comeram o restante da alimentação, menos o ovo".  

Indignado, o acompanhante afirma: "é o nosso dinheiro aplicado aqui e o retorno mínimo, digo isso pelos pacientes, nem tanto pelos acompanhantes. Peçam as nutricionistas responsáveis o que está acontecendo novamente? Pois nós quando falamos com elas, recebemos grosseria e uma patada atrás da outra. Socorro", finaliza.

Hospital Regional

Por meio da assessoria de imprensa, o Hospital negou que o caso. "Informamos que a informação não procede, o HRMS (Hospital Regional de Mato Grosso do Sul) dispõe de cozinha própria e chega a produzir mais de um milhão de refeições anualmente, serviço esse oferecido de forma completamente gratuita aos pacientes e acompanhantes do hospital. Nosso serviço ainda conta com uma equipe de nutricionistas que planeja as refeições e acompanha as produções, existe ainda uma variedade grande nas refeições produzidas, e sim também servimos ovos nas refeições, e ressaltamos ainda que nenhuma refeição é afetada ou deixa de ter em sua composição os nutrientes necessários".

Veja também