Menu
quarta, 30 de setembro de 2020
Cidade Morena

‘O sonho de ser prefeita não morreu’, diz Rose sobre eleições 2020 na Capital

Deputada afirma que situação pessoal é ‘complicada’ em relação a apoio do governador a reeleição de Marcos Trad

22 abril 2019 - 19h08Por Amanda Amaral

Deputada federal há quatro meses, Rose Modesto (PSDB) afirma que ainda é seu grande sonho ocupar o cargo de prefeita de Campo Grande, quando questionada sobre os caminhos de seu partido sobre as eleições municipais de 2020. Isso porque o governador Reinaldo Azambuja desenha apoio à reeleição de Marcos Trad (PSD), contra quem Rose disputou o posto em segundo turno em 2016.

“Partidariamente, nunca houve essa conversa, governador e prefeito que falaram, o Reinaldo diz que tem um compromisso de apoiá-lo. Eu, Rose Modesto, vou ouvir e vou sempre estar à disposição quando houver o sentimento das pessoas. Tive 42% dos votos no segundo turno, disputei contra o Marquinhos, fiz campanha com proposta diferente do que ele apresentou, então é muito complicada minha situação, essa é uma posição minha”, afirmou, em reunião no diretório regional do partido nesta segunda-feira (22).

A deputada e ex-vice de Azambuja diz estar focada nos projetos de seu cargo recém-assumido, trabalhando por todos os municípios de Mato Grosso do Sul. Contudo, diz que as mudanças na política são rápidas e nem sempre previsíveis, mas que mantém a vontade de comandar o executivo na Capital e até chegou a ser sondada por outros partidos.

“Eu tenho um sonho de ser prefeita de Campo Grande, mas é Deus e o povo que podem dizer. Esse sonho que apresentei em 2016, como eu enxergava a cidade, não morreu ainda. Se a população estiver feliz com Marquinhos, tem que seguir esse rumo, eu sou questionada todo dia na rua se sou candidata, mas está muito cedo pra falar isso. Em 2020 tem que vir essa discussão, naturalmente fui sondada por partidos, mas objetivo é continuar trabalhando e fortalecendo. Não dá pra querer ser candidato quando a população não te quer”, finaliza, defendendo pesquisas com eleitores.

Mais cedo, Sérgio De Paula foi eleito o novo presidente regional do partido, posição que interessava os deputados federais Rose Modesto e Beto Pereira, atual presidente. Sobre as eleições municipais de 2020, De Paula destacou que é amigo pessoal de Marquinhos Trad, mas que definições sobre apoio serão tomadas após serem ouvidas todas as lideranças do estado.  

''O  que for votado dentro das executivas vou respeitar'', resumiu. No entanto, ponderou que deve seguir orientação de Reinaldo Azambuja. ''Está longe para dizer sobre apoios, vamos ouvir sempre nossa liderança maior, que é o nosso governador'', concluiu o dirigente.

Leia Também

Primeiro homem curado de HIV morre de câncer na Califórnia
In Memoriam
Primeiro homem curado de HIV morre de câncer na Califórnia
Mato Grosso do Sul chega perto dos 70 mil casos da covid, mas diminui taxa de contágio
CORONAVÍRUS
Mato Grosso do Sul chega perto dos 70 mil casos da covid, mas diminui taxa de contágio
Ação da ABMCJ lança Observatório das candidaturas de mulheres
Cidade Morena
Ação da ABMCJ lança Observatório das candidaturas de mulheres
Sindicato grita por socorro e diz que donos de transporte escolar estão 'no fundo do poço'
Cidade Morena
Sindicato grita por socorro e diz que donos de transporte escolar estão 'no fundo do poço'